quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Ventos e velas - Líderes ampliam vantagem e podem vencer Semana Brasileira de Vela por antecipação

Da ZDL de Comunicaçãopor MariPeccicacco
E o pupilo de Robert, João Hackerott vai honrando a tradição do YCSA no Laser. Venceu e lidera!

Robert Scheidt e Bruno Prada mantêm 100% de aproveitamento e praticamente estão em Londres 2012. O mesmo ocorre na Finn e RS:X
Mais uma vez o vento não deu as caras na Semana Brasileira de Vela. Nesta quarta-feira (8), a variação foi de 6 a 8 nós, de sudoeste e sudeste, e apenas as pranchas RS:X conseguiram correr as duas regatas programadas para o dia. Nas raias do Iate Clube Armação de Búzios, os resultados foram parecidos com os dos dois primeiros dias e os favoritos mantiveram a boa fase no litoral fluminense.

A dupla Robert Scheidt e Bruno Prada continua com 100% de aproveitamento na classe Star. Mesmo não largando bem e contornando a primeira boia de contravento em terceiro lugar, os líderes do ranking mundial se recuperaram e venceram a única regata do dia.
“Faltam seis regatas ainda, mas a vaga está próxima. O dia foi bastante complicado por causa da falta de vento e a Comissão agiu certo ao cancelar a segunda. Espero que as condições melhorem nesta quinta em Búzios”, diz Robert Scheidt.
Na 470, a dupla Fernanda Oliveira e Ana Barbachan confirmaram a boa fase e terminaram em primeiro lugar o match race contra Martine Grael e Isabel Swan. A única regata do dia marcou um fato curioso. A proeira medalhista olímpica Isabel Swan caiu na água após uma manobra e a dupla não conseguiu alcançar as adversárias. Como a vantagem na seletiva é de Martine e Isabel, a tendência é que as meninas decidam a representante brasileira em Londres no Troféu Princesa Sofia em Palma de Maiorca, na Espanha, em março.
Na Finn, o paulista Jorge Zarif não deu chance à zebra e praticamente confirmou sua vaga na Inglaterra. Mais uma vez, o jovem velejador largou mais rápido do que os adversários e segurou a liderança.
“Estou ansioso para disputar a minha primeira Olimpíada. O meu objetivo será chegar entre os 10 primeiros e acumular experiência para 2016″, fala Jorge Zarif.
Outro 100% na Semana Brasileira de Vela, em Búzios, é velejador local Ricardo Winicki, o Bimba. Conhecedor da raia, o atleta da RS:X está preparado para os ventos fracos e venceu as duas do dia.
“A tendência de Búzios é de ventos fortes e ondas grandes, mas na Semana de Vela encontramos os três tipos (forte, médio e fraco). Mostra que estou andando bem e mostrando que posso vencer os melhores do mundo”, analisa Bimba – estão disputando a seletiva, como convidados, o espanhol Ivan Pastor e o israelense Nimrod Mashiah.
No feminino, Patrícia Freitas venceu uma das regatas e continua na liderança e com um pé nos Jogos de Olímpicos de 2012.
Na Laser, Adriana Kostiw não conseguiu a vitória na única regata do dia. O quarto lugar, mesmo assim, ainda coloca a velejadora paulista em primeiro na tabela. “É preciso ser sempre conservadora e hoje fui muito com sede ao pote para recuperar as primeiras posições. O vento também estava ruim”, explica. A vitória ficou para Maria Cristina Boabaid, de Santa Catarina.
No masculino, João Hackerott venceu a regata desta quarta e abriu vantagem de um ponto sobre o catarinense Bruno Fontes. A disputa é a mais equilibrada do evento que definirá alguns representantes da vela do País em Londres.
“Corri o Sudeste Brasileiro aqui em Búzios e conheço a raia. Estou com um barco veloz e bem treinado, além de não ter a pressão pelo resultado. Se a vaga olímpica vier, eu vou para Londres em busca de medalha. Não sou tão conhecido na vela internacional porque só corri um evento fora, justamente em Palma de Maiorca. Não fui bem, mas estou pronto para disputar com o Bruno Fontes lá, se for o caso”, revela o velejador, medalhista de ouro dos Jogos Mundiais de Praia de 2011.
A classe 49er voltou pra água depois de não disputar na terça-feira (7) as regatas. André Fonseca e Marco Grael, únicos brasileiros na disputa, venceram uma e ficaram e segundo na outra, ocupando a segunda posição no geral. Os líderes são os chilenos Pablo Herman e Luis Felipe Herman, que competem como convidados.
Taça divertida na Star -O Iate Clube Armação de Búzios recebeu a tradicional premiação da Tacinha Santa Constancia de Star. A ideia da regata é homenagear os ‘staristas’ não profissionais. Por isso, o pódio não teve Robert Scheidt e Bruno Prada.
“O Star tem a tradição de levar os velejadores a conhecer novas raias. Fazer amigos faz parte desse processo e estamos em Búzios celebrando a nossa categoria”, revela Dino Pascolato, idealizador do encontro.
Na raia, quem venceu foi a dupla Gastão Brun e Gustavo Kunze, após seis regatas. A prata foi para Dino Pascolato e Henry Boening e o bronze para Reinaldo Conrad e Ubiratan Matos.
Classificação geral:

470 Feminino – após 5 regatas

1ª- Fernanda Oliveira/Ana Luiza Barbachan – 5 pontos perdidos (1+1+1+1+1)
2ª- Martine Grael/Isabel Swan – 10 pp (2+2+2+2+2)


470 Masculino* – após 5 regatas

1º- Fabio Pillar/Gustavo Thiesen – 5 pontos perdidos (1+1+1+1+1)
2º- Henrique Haddad/Nicolas Castro – 11 pp (3+2+2+2+2)
3º- Carlos Henrique Wanderley/Bernardo Arndt – 14 pp (2+3+3+3+3)
4º- Nicolas Brancher/Marco Brancher – 20 pp (4+4+4+4+4)
5º- Alexandre Muto/Gabriel Borges – 25 pp (5+5+5+5+5)


Finn – após 5 regatas 

1º- Jorge Zarif – 5 pontos perdidos (1+1+1+1+1)
2º- Pedro H. Trouche de Souza – 10 pp (2+2+2+2+2)
3º- Arthur Lopes – 15 pp (3+3+3+3+3)
4º- Tiago Moraes – 22 pp (5+4+5+4+4)


Laser Radial – após 5 regatas 

1ª- Adriana Kostiw – 10 pontos perdidos (1+1+3+1+4)
2ª- Maria Cristina K. Boabaid – 13 pp (5+4+1+2+1)
3ª- Fernanda Decnop – 15 pp (2+2+4+5+2)
4ª- Odile Ginaid – 17 pp (3+3+2+4+5)
5ª- Monica G. Matschinske – 20 pp (4+5+5+3+3)


Laser Standard – após 5 regatas

1º- João Hackerott – 8 pp(3+2+1+1+1)
2º- Bruno Fontes – 9 pp (1+1+3+2+2)
3º- Eduardo Couto – 16 pp (2+3+2+3+6)
4º- Alex Ramos Veeren – 25 pp (4+5+7+5+4)
5º- Matheus Carvalho – 25 pp (5+4+6+7+3)


RS:X Masculino – após 6 regatas 

1º- Ricardo Bimba Santos – 6 pontos perdidos (1+1+1+1+1+1)
2º- Ivan Pastor (ESP) – 16 pp (2+2+2+2+2+6)
3º- Alberto Lopes de Carvalho – 24 pp (5+6+3+5+3+2)


RS:X Feminino – após 6 regatas 

1ª- Patricia Freitas – 7 pontos perdidos (1+1+1+1+1+2)
2ª- Patricia Castro – 14 pp (2+2+3+3+3+1)
3ª- Bruna Martinelli C. de Mello – 18 pp (4+4+2+2+2+4)


Star – após 5 regatas 

1º- Robert Scheidt/Bruno Prada – 5 pp (1+1+1+1+1)
2º- Gastão Brun/Gustavo Kunze – 12 pp (3+3+2+2+2)
3º- Alessandro Pascolato/Henry Boening – 14 pp (2+2+4+3+3)
4º- Reinaldo Conrad/Ubiratan Matos – 21 pp (5+4+3+5+4)
5º- Luiz André A. Reis/Renatão Moura – 23 pp (4+5+5+4+5)


49er* – após 5 regatas

1º- Pablo Herman/Luis Felipe Herman (CHI) – 9 pp(2+1+3+2+1)
2º- André Fonseca/Marco Grael – 9 pp(1+3+2+1+2)
3º- Bernardo Freitas/Francisco Andrade (POR) – 15 pp(4+2+1+4+4 2)


* Classes que não tem a vaga olímpica

Em negrito, velejadores tem um ponto na seletiva

Nenhum comentário:

Postar um comentário