segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Ventos e Velas - The Wave, Muscat é campeão da Extreme Sailing Series no Rio de Janeiro

por MariPeccicacco - Coluna Murillo Novaes 
Flotilha de Extreme 40 no Rio de Janeiro
Equipe de Omã conquista temporada 2012 e etapa carioca da competição. Team Brasil tem seu dia mais consistente na competição.A tarde de domingo na Praia do Flamengo (RJ) foi o palco de um emocionante último dia de regatas da Extreme Sailing Series 2012, que aconteceu pela primeira vez na América do Sul e contou com o  apoio da Prefeitura e do Governo do Rio de Janeiro.
Até os últimos segundos da regata final, The Wave, Muscat(Omã) e Groupe Edmond de Rothschild (França) disputavam ponto a ponto o título da etapa carioca, que, ao final, ficou com os omanianos por uma diferença de 0,2 ponto. E para tornar a conquista ainda mais saborosa, o resultado alcançado na “Cidade Maravilhosa” consagrou o The Wave, Muscat como o grande Campeão da temporada 2012 da Extreme Sailing Series.
Os campeões

“A competição foi extraordinária. Estamos na lua com a conquista do título e absolutamente animados com o Rio de Janeiro”, disse o skipper campeão Leigh McMillan, que completou: “O time realizou um grande esforço e uma temporada fantástica. Gostaria de agradecer a todos os meus companheiros.”
Também de Omã, a equipe Oman Air fechou 2012 como segunda colocada no geral, enquanto os vice-campeões no Rio de Janeiro, o Groupe Edmond de Rothschild, terminam o ano na terceira posição.
Team Brasil demonstra evolução e tem seu dia mais regular na competição
O skipper Torben Grael, dono de cinco medalhas olímpicas, e seus companheiros apresentaram uma evolução em termos de entrosamento e entendimento dos catamarãs Extreme 40 – barco com o qual velejaram pela primeira vez há menos de uma semana. Assim, o Team Brasil, convidado para representar o país sede, teve seu melhor dia na competição ao terminar três das oito regatas na quinta colocação.
“Foi uma ótima experiência participar desta competição. Os catamarãs são incríveis, velozes e táticos, apesar de diferentes dos barcos que estou acostumado a velejar. Acredito que pelo pouco treinamento que tivemos, o resultado foi acima da expectativa”, disse Torben, que afirmou o desejo de participar de outras competições com o Extreme 40.
A temporada 2013 da Extreme Sailing Series terá início em Omã, terra dos campeões deste ano, no dia 5 de março. O circuito passará por oito sedes em três continentes e contará com seis times que participaram da recém-terminada temporada e dois novos. O Rio de Janeiro receberá o evento pelos próximos três anos.

Windsurfistas Ricardo “Bimba” Santos e Patrícia Freitas confirmam favoritismo
Paralela à Extreme Sailing Series, o fim de semana recebeu a Jaguar NeilPryde Racing Series, que contou com windsurfistas renomados como o Campeão Mundial Ricardo “Bimba” Santos e a representante do Brasil nos últimos dois Jogos Olímpicos, Patrícia Freitas. E ambos terminaram no lugar mais alto do pódio em suas respectivas categorias: sênior masculina e sênior feminina.
“As regatas foram na beira da praia, perto do público, com narração… Isso é tudo que um windsurfista sonha”, disse “Bimba”, quatro vezes medalhista pan-americano.
Yago Carvalho, na categoria júnior, e Gustavo Carilo, na master, também se sagraram campeões da competição . Uma das peculiaridades da Jaguar NeilPryde Racing Series é proporcionar o mesmo equipamento a todos os windsurfistas, o que torna a qualidade técnica ainda mais essencial para a vitória.
A Extreme Sailing Series – Act 8 é uma realização da OC Sport, em parceria com Oman Air, Marinepool, Omega, GAC Pindar e Jaguar NeilPryde Racing Series. A BR Marinas é parceira oficial da prova no Brasil, com Revista Náutica e SPORTV como parceira de mídia. A Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e o Governo do Estado do Rio de Janeiro são apoiadores do evento.
Classificação final da Extreme Sailing Series 2012 

1)    The Wave, Muscat / Omã / 76,5 pontos

2)    Oman Air / Omã / 65 pontos

3)    Groupe Edmond de Rothschild / França / 64,5 pontos

4)    Red Bull Sailing Team / Áustria / 59 pontos

5)    GAC Pindar / Grã Bretanha / 45,5 pontos

6)    SAP Extreme Sailing Team / Dinamarca / 42 pontos

7)    Alinghi / Suiça / 35,5 pontos

8)    ZouLou / França / 28 pontos

Classificação final da etapa do Rio de Janeiro

1)    The Wave, Muscat / Omã / 192,2 pontos

2)    Groupe Edmond de Rothschild / França / 192/ pontos

3)    Oman Air / Omã / 181 pontos

4)    Red Bull Sailing Team / Áustria / 179 pontos

5)    SAP Extreme Sailing Team / Dinamarca / 166 pontos

6)    Alinghi / Suiça / 152 pontos

7)    GAC Pindar / Grã Bretanha / 129,6 pontos
8)    ZouLou / França / 119 pontos
9)    Team Brasil / Brasil / 92 pontos

Da assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário