terça-feira, 26 de março de 2013

Surf - Rafael Campos é o grande vencedor do Prêmio Greenish Brasil 2012

por Roberto Pierantoni/ MKT Greenish
Rafael Campos foi premiado com R$ 25 mil com uma onda enorme surfada na praia do Cardoso, em Laguna (SC), no dia 21 de maio do ano passado.
O evento, que contou com a presença de alguns dos melhores surfistas do Brasil e muita gente bonita, foi realizado na noite deste sábado, na Red Bull House, em Recife (PE), e corou os vencedores das três categorias em disputa.
 
Rafael Campos na Praia do Cardoso, na onda concorrente do premio Greenish na categoria maior onda. foto Thiago Jacaré
Na Maior Onda, vitória do catarinense Rafael Campos. Na Melhor Tubo e na Melhor Aéreo, triunfos do niteroiense Bruno Santos e do paraibano Samuel Igo, respectivamente. 

Além da premiação em dinheiro, os três foram agraciados com estadias de 11 dias no barco Star Koat I nas ilhas Mentawaii (Indonésia), cortesia Mentawaii Surf Charter.

Rafael Campos foi premiado com R$ 25 mil com uma onda enorme surfada na praia do Cardoso, em Laguna (SC), no dia 21 de maio do ano passado. O cinegrafista que registrou as imagens, Thiago Nunes Jacaré, ganhou R$ 5 mil, mesmo valor que recebeu Gustavo Satto, shaper que produziu a prancha utilizada pelo surfista. Muito emocionado, ele dedicou a conquista à praia onde pegou a onda vencedora, da qual é "local". Também elogiou a ação promovida pela marca de surfwear Greenish. 
"O legal deste prêmio é que ele não contempla apenas atletas profissionais, mas também amadores, que é meu caso", afirmou.

Bruno Santos alcançou a sua terceira vitória no Prêmio Greenish Brasil, que chegou a sua sétima edição. O surfista fluminense já havia levantado a taça em 2007 na categoria Maior Onda e em 2010 também na Melhor Tubo. Ele recebeu R$ 10 mil de prêmio, enquanto o cinegrafista André Portugal e o shaper Joca Secco ganharam R$ 2 mil cada. "Estou muito feliz por vencer novamente, ainda mais que gosto demais deste evento e vou fazer de tudo para participar todos os anos", afirmou o líder do Circuito Brasileiro Profissional.

Samuel Igo, por sua vez, vibrou muito com o triunfo na categoria Melhor Aéreo. Ainda mais que foi escolhido por unanimidade pelo corpo de jurados do Prêmio Greenish Brasil 2012, formado por nomes de peso do surfe nacional. "É só felicidade", disse o representante da Paraíba radicado no Rio de Janeiro (RJ). A conquista rendeu a ele R$ 10 mil, cabendo R$ 2 mil para o cinegrafista Claudemir Lima e também para o shaper Udo Bastos. "Fiquei mais feliz por que este é um evento que todo o Brasil vê", completou o surfista.

O corpo de jurados do Prêmio Greenish Brasil 2012 foi formado por fotógrafos, cinegrafistas, jornalistas e surfistas de primeira grandeza, comprovando a credibilidade que a ação alcançou nas sete edições que já foi realizada. Na categoria Maior Onda a lista contou com Clemente Coutinho, Fábio Gouveia, Otaviano "Taiu" Bueno, Alexandre Ferraz, Alemão de Maresias, Ader Oliveira, Danilo Couto, Felipe Cesarano, Luel Felipe e Marquito Santos.

Na Melhor Tubo com Clemente Coutinho, Fábio Gouveia, Kadu Maia, Danilo Costa, Alemão de Maresias, Márcio Freire, Ader Oliveira, Danilo Couto e Felipe Cesarano. E na Melhor Aéreo com Clemente Coutinho, Fábio Gouveia, Heitor Alves, Bruno Lemos, Ricardo Wendhausen, Ader Oliveira, Halley Batista e Messias Félix.

Nenhum comentário:

Postar um comentário