segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Surf - WCT Tahiti, Buchan leva a taça

Fonte Waves
Adrian Buchan vence etapa do WCT em Teahupoo, Tahiti. Foto: © ASP / Kirstin.
O australiano Adrian Buchan foi o grande campeão da sexta etapa do WCT, encerrada neste domingo, em boas ondas de até 2,5 metros em Teahupoo, Tahiti.
Na decisão, ele derrotou o norte-americano Kelly Slater, que buscava o título da prova pela quinta vez na carreira.


O confronto pegou fogo e Buchan levou a melhor com notas 9.67 e 9.27, contra 9.10 e 8.80 de Slater. Foi a segunda vez que eles se encontraram numa final.

Buchan já havia derrotado Slater na França em 2008 e novamente se deu bem. Pelo título, o aussie embolsa US$ 75 mil e soma 10 mil pontos no ranking do WCT.

Para vencer a batalha final, o australiano largou na frente com 9.67 depois de dropar atrasado por dentro de uma craca. Slater reagiu com 7.67, mas Buchan esperou pacientemente no outside para encontrar outro tubão e descolar 9.27. Na mesma série, Slater conseguiu sua melhor nota: 9.10.

Precisando de 9.84, o norte-americano foi para o tudo ou nada em uma direita no último minuto, mas conseguiu 8.80.

A bateria foi marcada ainda por uma reclamação de Slater. No decorrer da disputa, Buchan ameaçou ir em uma onda e os juízes não tiraram sua prioridade, o que irritou bastante o norte-americano.

Na primeira semifinal, Buchan eliminou o compatriota Mick Fanning, que defendia o título da prova. Em duelo muito equilibrado, Buchan somou 9.57 e 9.10, contra 9.13 e 6.67 do adversário.

Na outra semi, Slater ditou o ritmo e bateu o australiano Kai Otton com 8.50 e 8.23 nas duas melhores ondas, contra 5.50 e 2.17 de Otton, que vinha dando show e chegou a arrancar uma nota 10 na quarta fase, quando mandou Julian Wilson e Slater à repescagem.

Além de Otton, quem recebeu nota máxima dos juízes neste domingo foi o havaiano John John Florence, derrotado por Adrian Buchan nas quartas-de-final por 19.17 a 17.33 pontos.
Foi a segunda nota 10 de John John na competição. O havaiano recebeu o prêmio em memória ao compatriota Andy Irons.

Único brasileiro que ainda brigava pela taça, Gabriel Medina caiu diante do havaiano Fred Patacchia na terceira fase.

Depois de somar 7.23, o brasileiro chegou a arrancar a maior nota da bateria (8.93), mas não conseguiu impedir a derrota. Com 8.53 e 8.77 nas duas melhores ondas, Patacchia deixou o brasileiro correndo atrás de 7.77.

Resultado da sexta etapa do WCT 2013

1 Adrian Buchan (Aus)
2 Kelly Slater (EUA)
3 Mick Fanning (Aus)
3 Kai Otton (Aus)
5 John John Florence (Haw)
5 Josh Kerr (Aus)
5 Julian Wilson (Aus)
5 Fred Patacchia (Haw)
13 Gabriel Medina (Bra)
13 Miguel Pupo (Bra)
25 Adriano de Souza (Bra)
25 Alejo Muniz (Bra)
25 Filipe Toledo (Bra)

Nenhum comentário:

Postar um comentário