sexta-feira, 30 de maio de 2014

Surf - Fiji Women´s Pro,

Por: João Carvalho
Sally Fitzgibbons Foto: ASP
Sally Fitzgibbons é campeã do desafio nas grandes ondas
Australiana repetiu nas Ilhas Fiji a vitória conquistada no Rio Women´s Pro apresentado pela Billabong no Rio de Janeiro e encostou ainda mais na líder do ranking, Carissa Moore
A australiana Sally Fitzgibbons, 23 anos, pegou gosto pelas vitórias depois de conquistar o título do Rio Women´s Pro apresentado pela Billabong no Rio de Janeiro semanas atrás. Nesta quinta-feira, ela também venceu o Fiji Women´s Pro nas ondas desafiadoras da ilha de Tavarua, batendo a pentacampeã mundial Stephanie Gilmore, 26, na bateria final da quinta etapa do Samsung Galaxy ASP Women´s Championship Tour 2014. Fitzgibbons igualou o número de duas vitórias da ainda líder do ranking, Carissa Moore, 21, mas a briga pela ponta agora passa a ser fase a fase já a partir do US Open of Surfing, que vai abrir a segunda metade da corrida pelo título mundial feminino nos dias 27 de julho a 3 de agosto em Huntington Beach, na Califórnia, Estados Unidos.

"Eu acho que as vitórias estão vindo como as ondas para mim. Ganhar nos beachbreaks (praias com fundos de areia) do Rio de Janeiro e em seguida nos reefbreaks (fundo de corais) de Fiji, é um impulso enorme para a minha confiança", disse Sally Fitzgibbons. "Eu sabia que estava surfando bem esse ano e que só precisava consertar alguns erros para as vitórias começarem a chegar. A Carissa (Moore) começou muito bem a temporada, mas o ano é longo e já estou ansiosa para competir no US Open".
A decisão da ASP (Association of Surfing Professionals) em separar a etapa feminina da masculina nas Ilhas Fiji foi ótima para as meninas, que puderam competir em condições excelentes de ondas na ilha de Tavarua. Para os homens, o prazo começa neste domingo e vai até o dia 13 de junho. O Fiji Women´s Pro foi iniciado na terça-feira com a primeira fase e a repescagem sendo disputadas em séries perfeitas de 4-6 pés em Cloudbreak. Na quarta-feira, o evento mudou para Restaurants, que apresentava ondas de 3-5 pés em melhores condições para a terceira fase e as duas primeiras baterias da segunda e última repescagem do campeonato. 
Já no último dia, o Fiji Women´s Pro voltou para Cloudbreak, que bombava tubos pesados de 6-8 pés para fechar o maior desafio dos últimos anos para as meninas. A campeã Sally Fitzgibbons teve que encarar as difíceis condições do mar quatro vezes na quinta-feira. Isto porque ela tinha sido mandada para a repescagem pela também australiana Laura Enever, que fez o maior placar do campeonato - 18,84 pontos de 20 possíveis - nesta bateria em Restaurants na quarta-feira.
Fitzgibbons abriu a quinta-feira despachando outra australiana na repescagem, Tyler Wright. Depois, vingou a derrota sofrida para Laura Enever nas quartas de final e na semifinal superou a havaiana Malia Manuel. Na decisão do título, as ondas estavam mais difíceis, as duas finalistas não conseguiram apresentar o mesmo surfe que as levaram até ali e a vitória de Fitzgibbons foi confirmada com a nota 3,00 que ela recebeu para somar com o 6,00 da sua melhor onda na bateria. O placar foi encerrado em 9,00 a 8,73 pontos e Stephanie Gilmore ganhou a terceira posição no ranking de Tyler Wright com o vice-campeonato em Fiji.
"O surfe certamente ficou complicado para nós no final do dia", lamentou Stephanie Gilmore. "Tivemos boas ondas todos os dias do campeonato, mas é uma linha difícil de encontrar. A final, lamentavelmente, foi muito lenta e eu cai em algumas ondas que poderiam me dar a vitória. Apesar de tudo, foi um grande dia para o surfe feminino e todas nós saímos felizes daqui, porque foi um grande retorno de Fiji para as meninas".
A havaiana Malia Manuel dividiu o terceiro lugar no Fiji Women´s Pro com a australiana Dimity Stoyle, sendo este seu melhor resultado desde a temporada 2012. Na derrota para Sally Fitzgibbons nas semifinais, ambas sofreram quedas incríveis e tiveram suas pranchas quebradas pela força das ondas em Cloudbreak. A havaiana se contundiu logo na sua primeira bateria na quinta-feira, contra a neozelandesa Paige Hareb. Mesmo assim, ainda despachou a francesa Johanne Defay nas quartas de final e só parou na campeã do evento.
"Foi um dia emocionante", disse Malia Manuel. "As ondas bombaram aqui em Fiji e as meninas quebraram. Eu me machuquei logo no começo da primeira bateria que disputei hoje (quinta-feira), mas continuei competindo. Não sei se foi a adrenalina, mas ignorei as dores na mão, que os médicos acharam que tinha quebrado. Parabéns a Sally (Fitzgibbons) que surfou um tubo incrível para me vencer e foi ótimo competir em altas ondas esta semana aqui em Fiji".
A australiana Dimity Stoyle também ficou feliz com o resultado, principalmente depois de conseguir a maior virada do campeonato na quarta de final contra a líder do ranking, Carissa Moore. Mas, na semifinal contra a pentacampeã mundial Stephanie Gilmore ela não teve a mesma sorte de achar uma onda salvadora no final da bateria para chegar em sua primeira final no seu ano de estreia na elite das top-17 do Samsung Galaxy ASP Women´s Championship Tour.
"Este foi o melhor campeonato da minha vida", vibrou Dimity Stoyle. "As ondas bombaram em Cloudbreak no primeiro dia, assim como em Restaurants no segundo e hoje (quinta-feira) também aqui em Cloudbreak de novo. Eu gostaria de ter conseguido notas maiores, mas só ter vencido a Carissa (Moore) e depois ter competido com a Steph (Gilmore) nas semifinais já foi demais, alucinante. Cloudbreak é como um sonho e estou muito feliz por estar aqui". 
---------------------------------------------------------------------------------------

João Carvalho - Assessoria de Imprensa da ASP South America
(48) 9988-2986 - jcarvalho@aspworldtour.com 
----------------------------------------------------------------------------------

RANKING DO SAMSUNG GALAXY ASP WOMEN´S CHAMPIONSHIP TOUR - 5 etapas:

1.a: Carissa Moore (HAV) - 39.700 pontos
2.a: Sally Fitzgibbons (AUS) - 38.200
3.a: Stephanie Gilmore (AUS) - 32.750
4.a: Tyler Wright (AUS) - 31.000
5.a: Malia Manuel (HAV) - 25.400
6.a: Bianca Buitendag (AFR) - 23.450
7.a: Lakey Peterson (EUA) - 21.700
8.a: Dimity Stoyle (AUS) - 20.050
9.a: Laura Enever (AUS) - 18.750
10: Courtney Conlogue (EUA) - 17.200
10: Coco Ho (HAV) - 17.200
12: Alessa Quizon (HAV) - 15.300
13: Pauline Ado (FRA) - 13.750
13: Nikki Van Dijk (AUS) - 13.750
13: Johanne Defay (FRA) - 13.750
16: Paige Hareb (NZL) - 13.400
17: Alana Blanchard (HAV) - 8.750

FINAL DO FIJI WOMEN´S PRO:

Campeã: Sally Fitzgibbons (AUS) por 9,00 pontos (notas 6.00+3.00) - 10.000 pontos
Vice-campeã: Stephanie Gilmore (AUS) com 8.73 pontos (5.23+3.50) - 8.000 pontos

SEMIFINAIS - 3.o lugar com 6.500 pontos:

1.a: Stephanie Gilmore (AUS) 15.50 x 5.33 Dimity Stoyle (AUS)
2.a: Sally Fitzgibbons (AUS) 14.24 x 8.86 Malia Manuel (HAV)

QUARTAS DE FINAL - 5.o lugar com 5.200 pontos:

1.a: Stephanie Gilmore (AUS) 15.50 x 13.50 Bianca Buitendag (AFR)
2.a: Dimity Stoyle (AUS) 6.83 x 6.70 Carissa Moore (HAV)
3.a: Sally Fitzgibbons (AUS) 14.27 x 1.90 Laura Enever (AUS)
4.a: Malia Manuel (HAV) 9.50 x 8.93 Johanne Defay (FRA)

QUARTA FASE - REPESCAGEM - Vitória=Quartas de Final / Derrota=9.o lugar com 3.300 pontos:

-----------fecharam a quarta-feira em Restaurants 4-6 pés: 
1.a: Bianca Buitendag (AFR) 16.90 x 14.84 Alessa Quizon (HAV)
2.a: Carissa Moore (HAV) 17.07 x 15.13 Tatiana Weston-Webb (HAV)
-----------abriram a quinta-feira em Cloudbreak 6-8 pés: 
3.a: Sally Fitzgibbons (AUS) 15.57 x 13.93 Tyler Wright (AUS)
4.a: Malia Manuel (HAV) 8.50 x 7.00 Paige Hareb (NZL)

TERCEIRA FASE - Vitória=Quartas de Final / 2.a e 3.a=Repescagem:

-----------abriram a quarta-feira em Restaurants 4-6 pés: 
1.a: 1-Stephanie Gilmore (AUS)=16.33, 2-Bianca Buitendag (AFR)=16.30, 3-Tatiana Weston-Webb (HAV)=8.60
2.a: 1-Dimity Stoyle (AUS)=14.17, 2-Carissa Moore (HAV)=10.87, 3-Alessa Quizon (HAV)=10.50
3.a: 1-Laura Enever (AUS)=18.84, 2-Sally Fitzgibbons (AUS)=15.07, 3-Paige Hareb (NZL)=14.93
4.a: 1-Johanne Defay (FRA)=13.30, 2-Malia Manuel (HAV)=12.73, 3-Tyler Wright (AUS)=12.37

SEGUNDA FASE - REPESCAGEM - Vitória=Terceira Fase / Derrota=13.o lugar com 1.750 pontos:

-----------fecharam a terça-feira em Cloudbreak 3-5 pés: 
1.a: Laura Enever (AUS) w.o x Nikki Van Dijk (AUS)
2.a: Johanne Defay (FRA) 12.16 x 9.24 Coco Ho (HAV)
3.a: Tyler Wright (AUS) 14.67 x 6.10 Ella Williams (NZL)
4.a: Tatiana Weston-Webb (HAV) 12.83 x 0.00 Lakey Peterson (EUA)
5.a: Bianca Buitendag (AFR) 7.77 x 3.43 Alana Blanchard (HAV)
6.a: Alessa Quizon (HAV) 14.50 x 10.94 Pauline Ado (FRA)

PRIMEIRA FASE - Vitória=Terceira Fase / 2.a e 3.a=Repescagem:

-----------abriram a terça-feira em Cloudbreak 3-5 pés: 
1.a: 1-Paige Hareb (NZL)=10.50, 2-Coco Ho (HAV)=7.77, 3-Lakey Peterson (EUA)=7.20
2.a: 1-Stephanie Gilmore (AUS)=13.33, 2-Johanne Defay (FRA)=12.33, 3-Laura Enever (AUS)=3.67
3.a: 1-Carissa Moore (HAV)=14.76, 2-Alessa Quizon (HAV)=12.10, 3-Ella Williams (NZL)=7.00
4.a: 1-Sally Fitzgibbons (AUS)=12.27, 2-Tatiana Weston-Webb (HAV)=11.33, 3-Pauline Ado (FRA)=7.60
5.a: 1-Dimity Stoyle (AUS)=10.50, 2-Tyler Wright (AUS)=6.93, 3-Alana Blanchard (HAV)=4.00
6.a: 1-Malia Manuel (HAV)=17.53, 2-Bianca Buitendag (AFR)=13.47, 3-Nikki Van Dijk (AUS)=6.76


Nenhum comentário:

Postar um comentário