segunda-feira, 2 de junho de 2014

Surf - Wiggolly Dantas substitui Raoni Monteiro no WCT de Fiji

João Carvalho 
Wiggolly Dantas - Daniel Smorigo / ASP  
Raoni se contundiu e Wiggolly foi premiado com a chance de competir nos tubos perfeitos da illha de Tavarua depois de vencer o Quiksilver Saquarema Prime
Depois de faturar o título do Quiksilver Saquarema Prime, o paulista Wiggolly Dantas agora ganhou a chance de competir com os melhores surfistas do mundo em uma das melhores ondas do mundo. Ele vai substituir o contundido Raoni Monteiro na seleção brasileira que disputará o Fiji Pro nos tubos de Cloudbreak e Restaurants na paradisíaca ilha de Tavarua. O prazo do quinto desafio do Samsung Galaxy ASP World Championship Tour 2014 começou neste domingo e vai até 13 de junho, mas o seu início foi adiado no primeiro dia para aguardar por melhores ondas em Fiji.

Dois brasileiros foram escalados nas primeiras baterias da rodada de apresentação dos concorrentes ao título do Fiji Pro, que não é eliminatória. Os vencedores avançam direto para a terceira fase, mas os perdedores têm uma segunda chance na repescagem. Adriano de Souza vai abrir o campeonato com o australiano Kai Otton e o português Tiago Pires. E o também paulista Filipe Toledo entra na segunda com o taitiano Michel Bourez campeão do Billabong Rio Pro no Rio de Janeiro e o norte-americano Brett Simpson, que não ganhou nenhuma bateria nas quatro etapas do WCT este ano.

Wiggolly Dantas, que assumiu o segundo lugar no ASP Qualifying Series liderado por Adriano de Souza com a vitória no Quiksilver Saquarema Prime domingo passado na Praia de Itaúna, vai estrear nas Ilhas Fiji na quinta bateria, enfrentando o campeão mundial Joel Parkinson e outro australiano, Mitch Crews. Na seguinte, o atual campeão do Fiji Pro, Kelly Slater, faz a sua primeira defesa da liderança do ranking do Samsung Galaxy ASP World Tour 2014 contra o francês Jeremy Flores e o fijiano Isei Tokovou.

Depois tem Brasil em três baterias seguidas. O ex-líder Gabriel Medina entra na sétima, com o norte-americano Kolohe Andino, vice-campeão do Billabong Rio Pro nas ondas do Postinho da Barra da Tijuca, e o australiano Dion Atkinson. Antes de Raoni Monteiro e o australiano Adam Melling cancelarem suas participações por contusões, Alejo Muniz completava o confronto encabeçado por Medina. O catarinense foi removido para a oitava bateria, do australiano Josh Kerr e o havaiano Sebastian Zietz. Miguel Pupo estreia na seguinte, contra o sul-africano Jordy Smith e o espanhol Aritz Aranburu.

O último brasileiro a se apresentar no Fiji Pro é Jadson André, na 11.a e penúltima bateria com os australianos Julian Wilson e Bede Durbidge. Esta é a quinta das onze etapas do Samsung Galaxy ASP World Championship Tour 2014 e no momento o potiguar Jadson, o catarinense Alejo Muniz e o carioca Raoni Monteiro, estão fora do grupo dos 22 primeiros colocados no ranking, que são mantidos na elite dos top-34 para o ano que vem.

SELEÇÃO BRASILEIRA - O Brasil largou na frente da corrida pelo título mundial da temporada, com Gabriel Medina vencendo a primeira etapa na Gold Coast e mantendo a ponta nas três provas da "perna australiana". Mas, no Billabong Rio Pro foi barrado na terceira fase pelo tubaço que o sul-africano Travis Logie surfou no minuto final da bateria e despencou para a quinta posição no ranking. Foi ultrapassado por Kelly Slater, que assumiu a liderança do ranking no Rio de Janeiro, Taj Burrow (segundo lugar), Joel Parkinson (terceiro) e pelo campeão nas ondas do Postinho da Barra da Tijuca, Michel Bourez.

Adriano de Souza vem logo abaixo de Medina, em sexto lugar. Além deles, Miguel Pupo em 14.o e Filipe Toledo em vigésimo, também estão entre os 22 que permanecem pelo ranking principal. Já pelo ASP Qualifying Series, na lista do dez surfistas que se classificam para completar a elite dos top-34, três são brasileiros, o paulista Wiggolly Dantas em segundo lugar no ranking, o catarinense Tomas Hermes em sexto e em oitavo outro paulista, Alex Ribeiro, que entrou no G-10 com a nona posição conquistada no Quiksilver Saquarema Prime.

---------------------------------------------------------------------------------------
João Carvalho - Assessoria de Imprensa da ASP South America
(48) 9988-2986 - jcarvalho@aspworldtour.com
----------------------------------------------------------------------------------

PRIMEIRA FASE DO VOLCOM FIJI PRO:
1.a: Adriano de Souza (BRA), Kai Otton (AUS), Tiago Pires (PRT)
2.a: Michel Bourez (TAH), Filipe Toledo (BRA), Brett Simpson (EUA)
3.a: Mick Fanning (AUS), Fredrick Patacchia (HAV), Glenn Hall (IRL)
4.a: Taj Burrow (AUS), Adrian Buchan (AUS), Mitch Coleborn (AUS)
5.a: Joel Parkinson (AUS), Mitch Crews (AUS), Wiggolly Dantas (BRA)
6.a: Kelly Slater (EUA), Jeremy Flores (FRA), Isei Tokovou (FJI)
7.a: Gabriel Medina (BRA), Kolohe Andino (EUA), Dion Atkinson (AUS)
8.a: Josh Kerr (AUS), Sebastian Zietz (HAV), Alejo Muniz (BRA)
9.a: Jordy Smith (AFR), Miguel Pupo (BRA), Aritz Aranburu (ESP)
10: Nat Young (EUA), Owen Wright (AUS), Matt Wilkinson (AUS)
11: Julian Wilson (AUS), Bede Durbidge (AUS), Jadson André (BRA)
12: John John Florence (HAV), C. J. Hobgood (EUA), Travis Logie (AFR)

TOP-22 DO RANKING DO SAMSUNG GALAXY ASP WORLD TOUR 2014 - 4 etapas:
1.o: Kelly Slater (EUA) - 23.400 pontos
2.o: Taj Burrow (AUS) - 22.750
3.o: Joel Parkinson (AUS) - 22.400
4.o: Michel Bourez (TAH) - 22.250
5.o: Gabriel Medina (BRA) - 20.950
6.o: Adriano de Souza (BRA) - 19.700
7.o: Josh Kerr (AUS) - 17.750
8.o: Mick Fanning (AUS) - 17.450
9.o: Nat Young (EUA) - 16.150
10: Jordy Smith (AFR) - 14.900
11: Bede Durbidge (AUS) - 13.950
12: Kolohe Andino (EUA) - 12.000
13: Julian Wilson (AUS) - 11.750
14: Miguel Pupo (BRA) - 11.450
15: John John Florence (HAV) - 10.500
16: C. J. Hobgood (EUA) - 9.200
16: Sebastian Zietz (HAV) - 9.200
16: Owen Wright (AUS) - 9.200
19: Fredrick Patacchia (HAV) - 9.000
20: Filipe Toledo (BRA) - 8.000
20: Adam Melling (AUS) - 8.000
20: Mitch Crews (AUS) - 8.000
-------outros brasileiros:
24: Jadson André (BRA) - 5.750 pontos
30: Alejo Muniz (BRA) - 3.250
34: Raoni Monteiro (BRA) - 2.000

Nenhum comentário:

Postar um comentário