segunda-feira, 18 de maio de 2015

Surf - Nota 10! Filipinho dá Show de Aéreos, Levanta Torcida e é Campeão do Rio Pro

Por João Carvalho
Felipe Toledo Campeão fazer Oi Rio Pro 2015! foto WSL
O paulista Filipe Toledo, 20 anos, Levou um Enorme torcida lotou a praia that nenhuma domingo Ao delírio com SEUS Aéreos sensacionais Nas Ondas do Postinho parágrafo consolidar o Ótimo momento dos brasileiros não Samsung Galaxy Mundial de Surf League Championship Tour.
He arrancou um SUA Segunda nota 10 com o MESMO aéreo rotação completa sem como Mãos de na prancha e NÃO DEU QUALQUÉR oportunidade PARA O australiano Bede Durbidge, 32 anos, de na decisão fazer título do Oi Rio Pro. Com uma vitória massacrante POR 19,87 de 20 Possíveis nd Barra da Tijuca, Filipe faturou 100 mil Dólares de Prêmio e diminuiu parágrafo 550 Pontos a Diferença PARA O Líder do ranking, Adriano de Souza. Na Outra afazeres último domingo, Courtney Conlogue, 22 anos, Bateu um sul-africana Bianca Buitendag, 21, parágrafo festejar uma vitória Primeira feminina dos Estados Unidos no Rio de Janeiro.

"É Tudo Muito bizarro e NÃO Estou NEM AINDA Acreditando em Tudo Que ESTÁ acontecendo. Nao tenho NEM Palavras, estou em estado de choque " , Disse Filipe Toledo, logotipo DEPOIS de atravessar um Multidão ensandecida parágrafo Chegar na Arena do evento.  "É hum momento Que Eu Nunca tiva na minha vida e não Acho Que Nem Nosso esporte com this torcida gigante. O Suporte do Público foi maravilhoso. DEPOIS de Tirar uma nota 10, escutei uma galera Gritando parecendo hum Estadio de futebol Lotado e foi bom demais. Só tenho that Agradecer a Deus Pela semana maravilhosa, Pela Semana Abençoada Que Eu tiva COM minha familia e Meus Amigos Aqui e quero oferecer ESSA Vitória Para todas estas milhares de Pessoas vieram that here to torcer de para nos, brasileiros. Esse título parágrafo E VOCÊS ".
A masculina definitiva fazer Oi Rio Pro começou com Filipe Toledo pegando uma onda da Primeira bateria e Já Apresentando SUA Variedade de Manobras Modernas. O australiano respondeu com hum aéreo de frontside that valeu nota 5,07, mas TAMBÉM NAS direitas fazer o logotipo Postinho, Filipe manda o Seu aéreo rotação completa sem como Mãos de na prancha that vinha Sendo mortais parágrafo dizimar SEUS adversarios Até um grande final. O Vôo foi Muito alto eA aterrisagem Perfeita na base de da onda parágrafo Filipe arrancar SUA Segunda nota 10 unânime dos cinco Juízes não Oi Rio Pro, repetindo o Feito conseguido na sexta-feira. DEPOIS ELE continuou arriscando OS Aéreos e foi aumentando a Vantagem Cada uma onda, comeu Conseguir Uma nota 9,87 parágrafo Superar OS 19,27 Pontos da estreia de Kelly Slater Que ninguem tinha conseguido Bater desde o Primeiro Dia da etapa brasileira da Liga Mundial de Surf na Barra da Tijuca.
"É ISSO Incrível, eu tenho 32 Anos de Idade, o Filipe Só 20, SEJA OU, São 12 Anos de Diferença e ELE TEM UM estilo de surfe Totalmente diferente do meu",  Disse Bede Durbidge, that Já venceu Uma etapa da Mundial de Surf Liga no Brasil, em 2008 na Praia da Vila, em Imbituba (SC).  "Eu prefiro Mais OS tubos, mas also gosto de fazer Manobras de borda e Aéreas. Eu tento USAR Mais uma Força NAS Manobras, enquanto ELE Tenta Mais Aéreos Insanos e Enormes, ENTÃO o mar Hoje (domingo) estava Melhor parágrafo ELE. TEMOS Estilos Diferentes de surfar, mas OS Juízes valorizam Ambos, O Que É Bom Para o esporte, ENTÃO Estou feliz cabelo Vice-campeonato also ".
DOMINIO VERDE-AMARELO  - Depois do inédito título mundial Conquistado POR Gabriel Medina sem Passado ano, o Brasil VEM SE Consolidando COM UMA Maiores das potencias do Esporte e Dominando a temporada Deste ano. Os brasileiros were finalistas NAS ETAPAS Quatro completadas no Rio de Janeiro e ganharam Três. O ano começou com o proprio Filipe Toledo vencendo o Quiksilver Pro Gold Coast, DEPOIS Adriano de Souza Só Perdeu nenhuma desempate PARA O australiano Mick Fanning não Rip Curl Pro Bells Beach, mas faturou o título faz Drogas Aware Pro Margaret River, that fechou um " perna australiana "do Samsung Galaxy Mundial de Surf League Championship Tour. Agora Filipe Toledo conquista vitória SUA SEGUNDA eo Brasil encabeça o escalão mundial com Adriano de Souza somando 26,250 Pontos contra 25,700 de Filipe Toledo e 20.950 de Mick Fanning, Que Caiu fazer Segundo o parágrafo Terceiro lugar na classificação Geral.
"Eu confesso Que Estou Arrepiado de Emoção desde uma hora Que Eu cheguei na praia Hoje (domingo)",  Contou Filipe Toledo.  "Desde a bateria com o Italo (Ferreira) Já deu pra Sentir Uma Vibração Incrível fazer Público e Toda Hora Que Eu Olhava pra galera me arrepiava Inteiro, foi Tudo Muito contagiante. Estou feliz POR Conseguir Mais uma vitória e Não Sei se este vai Ser o meu ano, mas Estou Trabalhando Muito pra ISSO. Só sei Que vai Ser Mais Um Ano de dos brasileiros. A gente ESTÁ batalhando Junto, começamos o ano muito Bem E vamos Fazer de Tudo Para Que o título mundial continuar no Brasil, PODEM ter Certeza Disso ".
SEMIFINAIS  - O domingo Decisivo fazer Oi Rio Pro começou com Quartas de final, como Femininas e Já com uma praia Cheia os antes das 8 horas da manhã. O Público foi aumentando e Já lotava como Areias do Postinho when Filipe Toledo Entrou no mar parágrafo disputar uma semifinal brasileira com o potiguar Ítalo Ferreira, 21 ano. Filipe estava inspirado e Mandou Já o parágrafo aéreo largar na frente e Praticamente garantiu uma vitória POR 15,93 um Pontos NAS Duas Primeiras ondas that surfou na bateria 6,34. Italo e Um dos estreantes na elite dos top-34 da Liga Mundial de Surf Esse ano e com o Terceiro lugar no Rio de Janeiro subiu da 17.a para à 11.a posição no ranking.
"Estou muito feliz com este resultado. Eu gostaria de ter ido Mais longe, mas parabéns PARA O Filipe (Toledo) that estava Surfando Muito Bem E conseguiu Pegar boas ondas nenhum Início da Batería para me vencer ",  Disse Italo Ferreira.  "Estou amarradão Porque consegui surfar Bem Durante Todo o evento , acertei bons Aéreos e Outras Grandes Manobras parágrafo Tirar notas altas, ENTÃO saio daqui feliz e agradeço a todos that torceram Por Mim. Com certeza este resultado me Traz Mais Confiança parágrafo competir NAS Próximas ETAPAS e ágora E focar na NAS Ilhas Fiji Proxima ".
Na Outra semifinal, Matt Wilkinson, 26 anos, era o favorito. Assim Como Filipe Toledo, ELE NÃO tinha perdido nenhuma bateria não Oi Rio Pro, mas o Experiente Bede Durbidge surfou As Melhores parágrafo Ganhar uma vaga na Segunda Grande POR final de 14,63 a 8,23 Pontos. Wilkinson dividir o 11.O lugar nenhum com classificação Italo Ferreira, enquanto Bede subiu da 21.a para à décima posição com o vice-campeonato na etapa-carioca, that valeu hum Prémio de 40 mil Dólares por e 8.000 Pontos. JA OS Terceiros colocados, Matt Wilkinson e Italo Ferreira, receberam 20 mil Dólares por e 6.500 Pontos.
TÍTULO INÉDITO  - Na categoria feminina, Courtney Conlogue conquistou uma Consecutiva SUA Segunda vitória não Samsung Galaxy Mundial de Surf League Championship Tour e foi uma Primeira surfista dos Estados Unidos um Levantar o Troféu de Campeã NAS ETAPAS treze válidas cabelo título disputadas Mundial não from Rio de Janeiro Até 1977 2015. A sul-africana Bianca Buitendag se Tornou um grande Surpresa fazer ultimo dia when barrou um Líder fazer no ranking e finalista das Três Provas Que abriram a temporada na Austrália, uma havaiana Carissa Moore, na Disputa Pela Primeira vaga na grande final. Mas, na decisão do título, Courtney Conlogue pegou As Melhores ondas that entraram na Batería para sacramentar uma conquista inédita PARA O Seu Pais no Brasil POR 14,50 a 11,10 Pontos.
"Essa here galera do Brasil E alucinante e Estou muito feliz POR vencer here Diante Deste Público Impressionante Que lotou a praia de Todos os Dias",  Disse Courtney Conlogue.  "É Quase inacreditável Para Mim vencer Duas ETAPAS seguidas, pois o Nível técnico das meninas E Muito alto. JA Estou ansiosa de para A Próxima Etapa e para Ver O Que vai Acontecer no restante do ano. Eu ea Bianca (Buitendag) Muito somos amigas, ELA E UMA grande atleta e Estou honrada em Fazer Uma final COM ELA. Estou muito feliz e quero Pela vitória Agradecer TODO este Público that compareceu na praia Para Assistir o campeonato, parabens a todos ".
Enquanto um Campeã Courtney Conlogue consolidou uma SUA Vice-Liderança não há ranking, diminuindo a Vantagem havaiana Carissa Moore da parágrafo 2,800 Pontos, um sul-africana Bianca Buitendag Entrou na Lista das dez surfistas that permanecem na elite das top-17 da Liga Mundial de Surf Pará uma temporada Proxima. Com o vice-campeonato não-Oi Rio Pro, Bianca Acabou tirando a brasileira Silvana Lima da zona de Classificação, com uma cearense Caindo fazer nono parágrafo o 11.O lugar nenhum ranking das Quatro ETAPAS completadas no Rio de Janeiro. O Próximo desafio Pará como meninas Será NAS Ilhas Fiji, com uma prova feminina começando em 31 de maio Até 5 de junho.
"Essa torcida E incrivel, Nunca vi Tanta Gente na Praia ASSIM NUMA COMPETIÇÃO Feminina e Estou feliz Pelo resultado, pois E MUITO Difícil Chegar NUMA definitiva fazer CT",  Disse Bianca Buitendag.  "Certamente eu gostaria that uma bateria fosse Mais Disputada final, mas Eu Não consegui achar ondas como that estava Encontrando NAS Otras vezes Que Eu competi Hoje (domingo). MESMO ASSIM, saio daqui feliz com o meu Desempenho, consegui surfar Bem E ágora E como arrumar malas e ir Direto parágrafo Fiji, parágrafo Já Ficar Lá treinando Ate O Início do campeonato ".
PRÓXIMA ETAPA  - Depois da grande festa that foi o Oi Rio Pro, lotando a praia todos Os Dias Durante uma semana da etapa brasileira no Rio de Janeiro, o Samsung Galaxy Mundial de Surf League Championship Tour parte ágora parágrafo como Ilhas Fiji, Onde OS brasileiros continuarão Sendo o centro das atenções. Porque Isto É o campeão mundial Gabriel Medina vai Estar defendendo o título do Pro Fiji Conquistado nsa tubos de Cloudbreak sem Passado ano, Além de Adriano de Souza competindo com uma lycra amarela fazer Jeep Leaderboard de número 1 no ranking do OE Vice-Líder Filipe Toledo POR sor o Único a computar Duas Vitórias NAS Quatro Primeiras ETAPAS fazer ano. A Competição masculina Acontece between Os Dias 7 e 19 de junho, logotipo apos uma comeca feminina Que em 31 de maio e vai Até 6 de junho TAMBÉM NAS Ilhas Fiji.
RESULTADOS DO ÚLTIMO DIA DO OI RIO PRO :
Campeão: Filipe Toledo (BRA)  19,87 POR PONTOS (notas 10,00 + 9,87) - US $ 100,000 e 10,000 Pontos
Vice-campeão: Bede Durbidge (AUS) com 14,70 Pontos (7,60 + 7,10) - US $ 40,000 e 8,000 Pontos
SEMIFINAIS - 3.O lugar COM 6.500 Pontos E US $ 20,000 de Prêmio :
1.a:  Filipe Toledo (BRA)  15,93 x 6,34  Italo Ferreira (BRA)
2.a: Bede Durbidge (AUS) 14,63 x 8,23 Matt Wilkinson (AUS)
FINAL FEMININA DO OI RIO PRO :
Campeã: Courtney Conlogue (EUA) POR 14.50 Pontos (notas 7,33 + 7,17) - US $ 60,000 e 10,000 Pontos
Vice-Campeã: Bianca Buitendag (AFR) com 11.10 Pontos (6,27 + 4,83) - US $ 25,000 e 8,000 Pontos
SEMIFINAIS - 3.O lugar COM 6.500 Pontos E US $ 16,250 de Prêmio :
1.a: Bianca Buitendag (AFR) 13,50 x 10,84 Carissa Moore (HAV)
2.a: Courtney Conlogue (EUA) 13.16 x 11.17 Tyler Wright (AUS)
Quartas DE FINAL - 5.O lugar COM 5.200 Pontos E US $ 12,250 de Prêmio :
1.a: Bianca Buitendag (AFR) 13,27 x 10,16 Lakey Peterson (EUA)
2.a: Carissa Moore (HAV) 14,60 x 10,06 Keely Andrew (AUS)
3.a: Tyler Wright (AUS) 11.67 x 11.50 Coco Ho (HAV)
4.a: Courtney Conlogue (EUA) 11,50 x 10,20 Malia Manuel (HAV)
TOP-22 DO RANKING DA LIGA MUNDIAL DE SURF - Apos uma etapa 4.a no Rio de Janeiro :
1.O:  Adriano de Souza (BRA)  - 26,250 Pontos
2.o:  Filipe Toledo (BRA)  - 25,700
3.O: Mick Fanning (AUS) - 20,950
4.O: Josh Kerr (AUS) - 17,450
5.O: Nat Young (EUA) - 16,500
6.O: Owen Wright (AUS) - 16,150
7.o: John John Florence (HAV) - 15,500
8.o: Julian Wilson (AUS) - 15,450
9.O: Taj Burrow (AUS) - 15,200
10: Bede Durbidge (AUS) - 14,200
11: Matt Wilkinson (AUS) - 12,750
11:  Italo Ferreira (BRA)  - 12,750
13: Kelly Slater (EUA) - 12,700
14: Jordy Smith (AFR) - 11,450
14:  Jadson André (BRA)  - 11,450
16: Jeremy Flores (FRA) - 10,250
17:  Miguel Pupo (BRA)  - 9,250
17: Sebastian Zietz (HAV) - 9,250
19:  Gabriel Medina (BRA)  - 9,200
20: Joel Parkinson (AUS) - 8,000
20: Matt Banting (AUS) - 8,000
22:  Wiggolly Dantas (BRA)  - 7.950
TOP-10 DO JIPE LEADERBOARD RANKING - 4 etapas :
1.a: Carissa Moore (HAV) - 34,500 Pontos
2.a: Courtney Conlogue (EUA) - 31,700
3.a: Tyler Wright (AUS) - 23,400
4.a: Stephanie Gilmore (AUS) - 21,050
5.a: Lakey Peterson (EUA) - 20,800
6.a: Sally Fitzgibbons (AUS) - 19,600
7.a: Malia Manuel (HAV) - 18,650
8.a: Tatiana Weston-Webb (HAV) - 18,300
9.a: Bianca Buitendag (AFR) - 18,250
10.a: Coco Ho (HAV) - 17,000
11.a:  Silvana Lima (BRA)  - 15,100
CAMPEÕES DA ETAPA BRASILEIRA DO MUNDIAL DE SURF NO RIO DE JANEIRO :
WSL 2015 -  Filipe Toledo (BRA)  - Postinho da Barra da Tijuca - Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2014 - Michel Bourez (TAH) - Postinho da Barra da Tijuca - Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2013 - Jordy Smith (AFR) - Postinho da Barra da Tijuca - Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2012 - John John Florence (HAV) - Postinho da Barra e Arpoador - Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2011 -  Adriano de Souza (BRA)  - Barra da Tijuca e Arpoador - Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2002 - Taj Burrow (AUS) - Praia de Itaúna, Saquarema (RJ)
WCT 2001 - Trent Munro (AUS) - Móvel no Rio de Janeiro e Finais não Arpoador (RJ)
WCT 2000 - Kalani Robb (HAV) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1999 - Taj Burrow (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1998 -  Peterson Rosa (BRA)  - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1997 - Kelly Slater (EUA) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1996 - Taylor Knox (EUA) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1995 - Barton Lynch (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1994 - Shane Powell (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1993 - Dave Macaulay (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1992 - Damien Hardman (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
ASP 1991 -  Flávio Padaratz (BRA)  - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
ASP 1990 - Brad Gerlach (EUA) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
ASP 1989 - Dave Macaulay (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
ASP 1988 - Dave Macaulay (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
IPS 1982 - Terry Richardson (AUS) - Praia do Arpoador, Rio de Janeiro (RJ)
IPS 1981 - Cheyne Horan (AUS) - Praia do Arpoador, Rio de Janeiro (RJ)
IPS 1980 - Joey Buran (EUA) - Praia do Arpoador, Rio de Janeiro (RJ)
IPS 1978 - Cheyne Horan (AUS) - Praia do Arpoador, Rio de Janeiro (RJ)
IPS 1977 -  Daniel Friedman (BRA)  - Praia do Arpoador, Rio de Janeiro (RJ)
IPS 1976 -  Pepê Lopes (BRA)  - Praia do Arpoador, Rio de Janeiro (RJ)
CAMPEÃS DAS ETAPAS DO MUNDIAL DE Femininas SURF NO RIO DE JANEIRO :
WSL 2015 - Courtney Conlogue (EUA) - Postinho da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2014 - Sally Fitzgibbons (AUS) - Postinho da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2013 - Tyler Wright (AUS) - Postinho da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2012 - Sally Fitzgibbons (AUS) - Postinho da Barra e Arpoador, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2011 - Carissa Moore (HAV) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 2008 - Melanie Bartels (HAV) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1999 -  Andréa Lopes (BRA)  - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1998 - Pauline Menzer (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1997 - Pauline Menczer (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1994 - Pauline Menczer (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1993 - Neridah Falconer (AUS) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
WCT 1992 - Wendy Botha (AFR) - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ)
IPS 1977 - Margo Oberg (AUS) - Praia de Ipanema, Rio de J aneiro (RJ)

Nenhum comentário:

Postar um comentário