segunda-feira, 25 de abril de 2016

Surf - Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard tem grandes prêmios e homenageados

CBS
Rogério Vasconcelos recebe homenagem póstuma
Maracaípe tem tradição em receber grandes eventos e alguns nomes com dezenas de anos de história no surfe brasileiro e na bela praia de Ipojuca serão homenageados durante o “Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard”, que Maracaípe, entre o próximo dia 29 e primeiro de maio, sedia abrindo o calendário nacional nos pranchões e no surf de veteranos.
A homenagem ratifica à importância histórica de Maracaípe e de nomes como o paraibano Fábio Gouveia, que por muitos anos residiu em Pernambuco, de onde é Cláudio Marroquim, outro homenageado a exemplo do potiguar Ronaldo Barreto, do alagoano Carlos Pereira, do sergipano Saulo Moraes e do cearense Raimundo Pena, todos eles coincidentemente tendo no currículo o trabalho de ‘shaper’ (quem dar forma as pranchas)  e a maioria competindo até hoje em um congraçamento que não exclui disputas acirradas como nos primórdios que eles integraram.
Um exemplo é Cláudio Marroquim, campeão nacional Grand Kahuna e cujas pranchas ‘Real Magia’ se somam as feitas por Alexsandre ‘Sargaço’ na premiação do evento, que para os homenageados reserva um medalhão que será entregue em uma caixa exclusiva, assim como durante a primeira homenagem no Marands de 2015 em Saquarema, Rio de Janeiro.
Premiação
Na premiação do Longboard, a tropa profissional dos pranchões dividirá dez mil reais na sua prova que é a única a ser disputada na sexta-feira de abertura do Marands,  e tendo direito no pódio domingo também a troféus, medalhões e kits de artigos Marands, brindes estes de todos os finalistas do Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard, sendo que na Open e Master do Longboard o campeão recebe equipamento de ponta: um “long” da Sargaço Surfboards, enquanto na  Kahuna a premiação do primeiro inclui bloco Teccel.
Nas disputas do surfe para veteranos, kits Marands, troféus, medalhões, duas pranchas Real Magia e blocos Teccel para os campeões somam na premiação além de que um total de dez mil reais será rateado entre finalistas das quatro categorias: Master (+35 anos), a Grand Master (+40), Kahuna (+45) e Grand Kahuna (+50).

Vagas limitadas
Anfitriã do evento e parceira da Confederação Brasileira de Surf (CBS) nele, a Federação Pernambucana de Surfe (FesurPE) alerta para o número limitado de vagas: “Estamos reforçando a necessidade dos atletas se inscreverem o quanto antes, evitando assim ficarem de fora das disputas desse grande evento que prioriza o surfe clássico dos pranchões e aqueles que são mestres do surfe há tantos anos” informa Geraldo Cavalcanti, organizador e diretor executivo da entidade pernambucana que receberá as inscrições das disputas longboard no local e informou emailansgeraldinho@hotmail.com, whatszapp e telefone para informações (81) 99282-5177 (Geraldo Cavalcanti) ou  brunofepesu@yahoo.com.br, este o email de Bruno Cavalcanti, presidente da entidade maior do surf em Pernambuco que emitiu o comunicado no qual o valor da inscrição do longboard profissional é R$150,00 (Cento e cinquenta reais) e as demais R$130,00 (Cento e trinta reais).
Adalvo Argolo, presidente da Confederação Brasileira de Surf, informa: “A inscrição nas categorias do surf master é R$130,00 (Cento e Trinta Reais) e devem ser feitas através da Conta da CBS (Confederação Brasileira de Surf), Banco do Brasil AG: 3457-6, C/C: 63299-6, CNPJ: 02995720/0001-60. Depois enviar o comprovante e dados para o e-mail: adalvoargolo@gmail.com (Confederação Brasileira de Surf).” 

“Marands Brasileiro de Surf Master e Longboard”, tem patrocínio da Sejuve (Secretaria de Juventude e Esportes) da Prefeitura do Ipojuca e Marands Surf Wear, sendo realização da CBS (Confederação Brasileira de Surf) com Federação Pernambucana de Surf, apoio das pranchas Real Magia e Sargaço Surfboards, Blocos Teccel, Bar do Marcão, Bar da Monica, Pousada Parador 081 e Sunset Temakeria.
Assessoria com Geraldo Cavalcanti

Nenhum comentário:

Postar um comentário