segunda-feira, 30 de maio de 2016

Surf - QS no Japão, Evan Geiselman Vence

Fonte Site Waves
Evan Geiselman vence o Ichinomiya Chiba Open 2016. Foto: WSL / Bennett.
O norte-americano Evan Geiselman ficou com o título do Ichinomiya Chiba Open, QS6.000 disputado em Chiba, Japão.
Na decisão, Evan superou o italiano Leonardo Fioravanti - líder isolado do Qualifying Series - pelo placar de 16.17 a 14.33 pontos.
Em pequenas ondas de até meio metro, o norte-americano arrancou notas 7.00 e 9.17 dos juízes, contra 5.83 e 8.50 de Fioravanti, que disparou ainda mais na liderança da temporada.
“Nos últimos dois minutos lá fora muitas emoções passaram pela minha cabeça”, diz Evan. “Depois do que aconteceu em Pipeline eu tenho muita sorte de estar surfando, então vencer o maior evento da minha carreira aqui no Japão é incrível. Conquistar 6 mil pontos é muito grande para mim, então espero que possa construir algum momento”, continuou o norte-americano.

"Leo tem sido o cara a ser batido, então sempre é uma final complicada. Eu tive uma finalização melhor nas ondas, mas ele chegou perto com um 8.50 naquele aéreo, então foi muito intenso. Este resultado, embora seja duro para ele por ser outro vice-campeonato, é metade do caminho para que se classifique, então é ótimo para ele. O que aconteceu comigo e com Leo em Pipeline realmente traz uma coincidência, então é sinistro que estejamos aqui, no Japão, saudáveis e surfando", finalizou Evan.
Foi o terceiro vice-campeonato conquistado por Fioravanti na temporada. "Três segundos na sequência é realmente difícil", disse o italiano. "Quando você olha para os pontos do QS eu fico realmente feliz, mas o vice é difícil. As ondas estavam difíceis hoje, havia apenas uma realmente boa onda e ele estava nela. Eu estou feliz por estar conseguindo resultados e tendo um bom ano", falou Leo.


Único brasileiro no último dia de disputas, Victor Bernardo foi eliminado nas quartas-de-final por Evan Geiselman.


O brasileiro chegou a bater na trave em uma tentativa de virar, quando precisava de 6.01 e fez 6.00 pontos. Porém, na última onda o norte-americano selou a vitória com 7.60, totalizando 13.60, contra 11.67 do brasileiro.


Quem também obteve um bom resultado foi Santiago Muniz, argentino criado em Santa Catarina. “Santi” foi barrado nas quartas pelo italiano Leonardo Fioravanti, autor de 8.17 e 7.07, contra 2.83 e 7.83 do argentino.

Nas semifinais, Leonardo Fioravanti passou por Tanner Gudauskas por um placar muito apertado (13.66 a 13.57), enquanto Evan Geiselman derrotou o neozelandês Billy Stairmand por 13.74 a 12.70 pontos
Resultado


1 Evan Geiselman (EUA)
2 Leonardo Fioravanti (ITA)
3 Tanner Gudauskas (EUA)
3 Billy Stairmand (NZL)
5 Victor Bernardo (BRA)
5 Santiago Muniz (ARG)
5 Ramzi Boukhiam (MAR)
5 Thomas Woods (AUS)

Nenhum comentário:

Postar um comentário