quarta-feira, 29 de junho de 2016

Surf - Os campeões da 2ª etapa do Prainha Master 2016 Rio de Janeiro


Por Betinho Deng - RicoSurf
Guilao Gomes venceu a Kahuna - Amador. Foto: Fred Rozário.
Terminou neste domingo a 2ª etapa do Prainha Master 2016, organizado pela Associação dos Surfistas e Amigos da Prainha.
O evento contou com a presença de 99 surfistas inscritos divididos em 7 diferentes categorias por idade.
No primeiro dia as ondas estavam com 1m a 1,5m com condições bem difíceis e ondas bem buraco, e no domingo os atletas classificados fizeram uma votação e mudaram a área de competição para o canto esquerdo para fechar o evento com chave de ouro.

Segue abaixo os campeões de cada categoria.

Surf - Novo Evento

Fonte SurfBahia
Bruce Kamonk é um dos destaques do Baiano Master. Foto: Luca Castro
Depois de anunciar o Brasileiro Master nos dias 20 e 21 de agosto, a Federação Baiana de Surf (FBS)  apresenta outra novidade na Costa do Sauípe, litoral norte baiano.
Nos dias 13 e 14 de agosto, o local será palco da terceira etapa do Circuito Baiano Master. O evento será promovido em parceria com a Confederação Brasileira de Surf e a Associação Baiana dos Surfistas Masters.
Inscrições custam R$ 80 nas categorias Master (acima de 35 anos), Grand Master (acima de 40), Kahuna (acima de 45) e Grand Kahuna (acima de 50). Quem se inscrever em duas categorias terá R$ 10 de desconto.

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Surf - Puerto Escondido Challenge, "Twiggy" Baker Doma as Morras

Fonte Waves
Grant Baker feliz pela performance no Puerto Escondido Challenge, México. Foto: © WSL / Heff.
"Twiggy" Baker fatura o Puerto Escondido Challenge; Calado é terceiro, seguido por Burle.
Campeão mundial do BWT 2013/14, Twiggy teve um desempenho impressionante durante todo o evento. "Ontem estava muito difícil lá fora e não fiz um grande bateria", analisa Baker. "Quando acordei nesta manhã vi que era o meu tamanho favorito para Puerto, então fiquei feliz".O sul-africano Grant "Twiggy" Baker faturou o título do Puerto Escondido Challenge neste sábado (25/06) em ondas monstruosas, na casa dos 8 metros de face, que quebraram no icônico beach break em Zicatela, México. Para vencer, ele superou 24 dos maiores surfistas de ondas grandes do mundo, em condições enormes e difíceis. A prova é válida como primeira etapa do Big Wave Tour.
O sul-africano apresentou performances técnicas e precisas durante todo a final na “Pipe Mexicana”. Ele dominou a dianteira do início ao fim na decisão e soube domar as morras do beach break, mas foi sua segunda onda, um 10 impecável, que lhe garantiu o caneco.
“Venho aqui há 20 anos e adoro isso", comemora Baker. "As ondas são incríveis e eu quero agradecer a todos os locais por serem tão hospitaleiro e fazer com a gente se sinta bem-vindos. Para minha esposa e meu bebê em casa, este é para vocês”, finalizou. 
Baker entrou no evento como wildcard, mas graças à sua performance vencedora, ele assume a liderança do ranking do BWT 2016/17.
O norte-americano Greg Long (EUA), duas vezes campeão mundial do BWT, terminou em segundo lugar no evento. "Estou feliz com o meu resultado aqui em Puerto Escondido", disse Long. "Tinha algumas ondas muito divertidas e tive que trabalhar duro lá fora, mas valeu a pena. Eu tenho um lugar especial no meu coração para Puerto Escondido. Vim aqui pela primeira vez quando tinha 17 anos de idade e hoje tenho 33. Este evento foi espetacular por tudo. Foi um dos melhores dias que eu já surfei".
Video da Final

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Surf - Puerto Escondido, Sinal verde no México

Fonte Waves
WSL confirma realização do Puerto Escondido Challenge nesta sexta-feira (24/6), no México. Foto: © WSL / Ecker.
A World Surf League (WSL) confirmou o início do Puerto Escondido Challenge no próximo dia 24 de junho, no México. De acordo com a entidade, há boa possibilidade de a prova ser finalizada no dia seguinte (25/6).
A previsão é de um swell com ondas acima de 30 pés na região. "O swell que estamos monitorando e vem do Pacífico Sul se intensificou e anunciamos o sinal verde para o Puerto Escondido Challenge na sexta-feira," disse Peter Mel, comissário do Big Wave Tour da WSL. "Nós esperamos ondas de 30 pés com séries maiores, ventos e marés favoráveis", concluiu Peter.
Já estão confirmados nomes como Greg Long, Makua Rothman, Grant Baker, Carlos Burle e Damien Hobgood, além do jovem carioca Pedro Calado.
A janela de espera no Hemisfério Sul foi aberta no último dia 27 de abril e vai até 31 de agosto. Além do México, o Tour pode ter provas no Chile e no Peru durante esse período.

No vídeo abaixo, produzido por Thiago Rausch antes de a prova ser confirmada, o "xerife" mexicano Jose Ramirez fala sobre a expectativa para o evento.

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Surf - Big Wave Tour, Sinal amarelo em Puerto

Fonte Waves
WSL anuncia sinal amarelo para o Puerto Escondido Challenge. Foto: WSL / Danny Ecker Foto: Divulgação / WSL.
A World Surf League (WSL) anunciou o sinal amarelo para o Puerto Escondido Challenge, etapa do Mundial de Ondas Grandes que acontece no México.
A previsão é de um swell com ondas de 30 pés na região. Caso a ondulação a caminho se confirme, o sinal verde será anunciado em até 72 horas.
“O swell está passando abaixo de Rapa Nui (Ilha de Páscoa) e é esperado na região do México por volta de 24 de junho”, diz Peter Mel, comissário da WSL.
A janela de espera no Hemisfério Sul foi aberta no último dia 27 de abril e vai até 31 de agosto. Além do México, o Tour pode ter provas no Chile e no Peru durante esse período.
As condições mínimas exigidas pelos organizadores são ondas de 25 pés. Cada evento reunirá 24 dos melhores big riders do mundo.
O período de espera no Hemisfério Norte terá início no dia 15 de outubro, com Pe'ahi (Havaí), Todos Santos (México) e Nazaré (Portugal) completando a temporada.
O circuito terá os 10 melhores do ranking da última temporada, três convidados para o circuito, seis convidados para cada etapa, um convidado por contusão e os quatro melhores atletas no prêmio de melhor performance do ano em ondas grandes.
Em cada evento, a premiação total será de US$ 100 mil. O campeão do Big Wave World Tour receberá um cheque com o mesmo valor.

Corrida de Rua Unifor 2016: Marily dos Santos e José Márcio Leão da Silva Ficam em 1º


Fonte Unifor
Foto Divulgação
Uma das mais tradicionais provas de rua do Estado, a 24ª Corrida de Rua da Unifor, realizada no dia 19 de junho de 2016, reuniu mais de 3 mil participantes. O pernambucano José Márcio Leão da Silva, campeão da elite masculina, fechou os 10 km dessa corrida com tempo de 29min48seg. Já entre as mulheres, a alagoana Marily dos Santos foi bicampeã, com tempo de 36min23seg.
Completaram o pódio da elite masculina da 24ª Corrida de Rua Unifor o atleta Daniel Carneiro dos Santos, 2º colocado, com tempo de 30min50seg, e e Edson Amaro Arruda dos Santos, que chegou na 3ª posição (31min03seg).
No feminino, sagrou-se vice-campeã Miriam Farias da Silva, com tempo de 37min59seg, e em terceiro ficou Larisse do Nascimento de Sousa, com 38min39seg.
Na prova dos 5km o garanhunense Gilmar de Oliveira Silva foi o campeão ao estabelecer a marca dos 15min23seg. Completaram o pódio masculino dos 5km os corredores Gilson de Souza, segundo colocado, e João Batista da Silva Negreiro, que cruzou a linha de chegada em terceiro lugar.

Surf - Dia Internacional do Surf


sexta-feira, 17 de junho de 2016

Gabriel Medina Vence o Fiji Pro Batendo o líder do Ranking na final

João Carvalho - WSL South America Media Manager
Gabriel Medina (SP) (©WSL / Cestari)
O segundo título conquistado nos tubos de Cloudbreak na final contra o australiano Matt Wilkinson foi a primeira vitória brasileira na temporada e Medina agora é o vice-líder no ranking da World Surf League.
O campeão mundial Gabriel Medina surfou os melhores tubos que entraram nas três baterias que disputou na sexta-feira de ondas pesadas de 10-12 pés (3-4 metros) em Cloudbreak, para conquistar a primeira vitória brasileira na temporada 2016 do Samsung Galaxy World Surf League Championship Tour. O fenômeno de Maresias começou o último dia ganhando dois duelos de campeões mundiais, com Adriano de Souza e depois comandou o show contra Kelly Slater. E na grande final, bateu o número 1 do Jeep WSL Leader, Matt Wilkinson, para festejar o seu segundo título no Fiji Pro. Ao repetir o feito de 2014, Medina assumiu a vice-liderança no ranking das cinco etapas e a próxima começa em 6 de julho na África do Sul.
"É uma sensação incrível vencer aqui e estou muito feliz", disse Gabriel Medina. "Eu só quero agradecer a Deus e minha família, minha namorada, meus amigos e todos que torcem por mim. Foi uma semana muito louca. Ficamos um tempão esperando por essas ondas e elas finalmente vieram. Só que hoje (sexta-feira) estava enorme e tomamos várias séries na cabeça, mas deu um monte de tubos também e foi um grande evento. Estou muito feliz".

quinta-feira, 16 de junho de 2016

kitesurf - Copa Yokohama Pacasmayo de Kitesurf 2016, Vídeo do Evento

GOKITE
Copa Yokohama Pacasmayo de Kitesurf 2016
Em uma final inédita com condições perfeitas, o italiano Airton Cozzolino venceu a Copa Yokohama Pacasmayo 2016, o bicampeão mundial de kitewave Guilly Brandao ficou com a segunda colocação seguido do campeão brasileiro de surf profissional Tânio Barreto. O evento aconteceu no início do mês de maio nas longas esquerdas de Pacasmayo – Perú e contou com o patrocínio e organização do El Faro Pacasmayo Resort.Não deixe de conhecer o site do El Faro Pacasmayo Resort e pleneje sua próxima trip para este paraíso -http://www.elfaropacasmayo.com/  Assista ao vídeo do evento !

Surf - Medina, Mineiro e Guigui Avançam às Quartas do Fiji Pro

João Carvalho – WSL South America Media Manager 
Gabriel Medina - (SP) (©WSL / Cestari)
A quinta-feira já começou com Gabriel Medina surfando dois tubos perfeitos numa onda incrível para ganhar a primeira nota 10 unânime dos cinco juízes logo na primeira bateria. Medina também vai abrir o último dia, num duelo de campeões mundiais com Adriano de Souza valendo a primeira vaga nas semifinais. E Wiggolly Dantas disputa a segunda com Kelly Slater, que tirou o segundo 10 do ano em Fiji contra ele próprio e o Mineirinho, no segundo confronto do dia. As previsões indicam ondas maiores e condições perfeitas para definir o campeão na manhã da sexta-feira em Cloudbreak. As quartas de final devem ser iniciadas as 7h00 em Fiji, 16h00 pelo fuso de Brasília, ao vivo pelo  www.worldsurfleague.com

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Fiji - Pro Retorna com Altas Ondas e Quatro Brasileiros se Classificam

João Carvalho - WSL South America Media Manager
Adriano de Souza (SP) (©WSL / Cestari)
Os campeões mundiais Adriano de Souza e Gabriel Medina, Wiggolly Dantas e Jadson André, vão ter agora duas chances de passar para as quartas de final nos tubos de Cloudbreak na ilha de Tavarua.
Previsões confirmadas e o swell entrou forte na quarta-feira, bombando altas ondas de 6-8 pés em Cloudbreak para a continuação do Fiji Pro na ilha de Tavarua. A terceira fase vinha sendo adiada desde terça-feira da semana passada e começou com Gabriel Medina surfando os primeiros tubaços do dia, mandando até um aéreo na saída de um deles. Mais três brasileiros ganharam suas baterias e terão duas chances de classificação para as quartas de final em Fiji, o também campeão mundial Adriano de Souza, Wiggolly Dantas e Jadson André, que pela primeira vez conseguiu vencer um duelo potiguar com Italo Ferreira depois de quatro eliminações em etapas do Samsung Galaxy World Surf League Championship Tour. 

terça-feira, 14 de junho de 2016

Ciclismo - Rio 2016: Definida Equipe de Estrada

Prólogo
O Brasil terá quatro representantes no ciclismo de estrada da Olimpíada do Rio. Já com duas vagas garantidas na disputa masculina após o fechamento do ranking de nações, no final de 2015, o país assegurou igual número no feminino, no encerramento do prazo para pontuação no ranking correspondente, no final de maio. A CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo) elaborou critérios de convocação que levaram em consideração o ranking mundial e as características técnicas compatíveis ao percurso olímpico.

Surf - Vídeo Mentawai, O sopro de Greenbush

Texto e imagens @paulomendes_images
Rolaram tubos incríveis na trip. Frame de vídeo.
Padang, 26 de maio de 2016, chega o dia da saída de mais uma trip para as ilhas Mentawai a bordo do Star Koat. É dia de checar todo material de filmagens e carregar as baterias.
Juntamente com meu amigo e capitão Kadu Maia, nos dirigimos ao porto e aguardamos a chegada dos guests, vindos de vários lugares do Brasil, como Rio de Janeiro, São Paulo e Ceará, assim como um integrante vindo do leste australiano, trazendo em sua bagagem todas as características do surfista australiano: um bom surfe no pé, a sede pela Bintang gelada e uma alegria interminável. 
No primeiro dia de viagem, ancoramos no canal de Katiet, onde pudemos observar as rápidas e perfeitas direitas de H.T's ou Lances Right, como alguns preferem chamar. A galera não perdeu tempo e nos primeiros raios de sol, já tiravam suas pranchas das capas e as preparavam para a caída.
Após um café da manha regado de frutas, iogurte e cereais, ouvindo atentos as dicas do capitão, todos foram para água dar sua primeira caída da trip. Os cearenses Petronio e Andre representaram pegando os melhores tubos do dia.
Dia seguinte partimos para o lado oeste da ilha em busca das esquerdas de Lances Left, onde fomos recebidos com ondas longas e perfeitas quebrando na bancada, facilitando os surfistas colocaram suas pranchas no pé e se prepararem para o grande swell que se aproximava. 
Ondulação vinda de sul com tamanho e período alto combinados com um vento norte fez com que o capitão nos levasse para a tão famosa e almejada Greenbush. Ao amanhecer já observávamos ondas de 6 a 7 pés rodando do início ao fim, chegando a dar três baforadas em uma única onda!
Diria que uma verdadeira pintura da natureza. Por trás das lentes tive o privilégio de assistir um show de tubos comandados pelo cearense Petronio e o carioca Gabriel, seguidos por todos da barca que "se jogaram”, independente do nível de surf, pegando os tubos de seus sonhos. 
Por sorte, outro grande swell de sudoeste se aproximava, uma parada nas boas e amigáveis direitas de Roxy, e seguimos para Macarronis, onde todo o show continuou. 
Na chegada a Padang a galera se esbaldou com fotos e vídeos de umas das melhores trips da temporada e com certeza de suas vidas.  fonte RicoSurf

segunda-feira, 13 de junho de 2016

Corrida de Rua - Corrida de Rua Unifor, Inscrições de 23 de Maio a 11 de Junho


Fonte Corce
A Universidade de Fortaleza realiza, no dia 19 de junho, a 24ª edição da Corrida de Rua Unifor. A Corrida de Rua tem percurso de 5km e 10km e é aberta a amadores e profissionais, homens e mulheres, com idade mínima de 18 anos. No dia, são dadas duas largadas, uma delas especialmente para pessoas com deficiência. Participe!
Os atletas interessados em participar desse desafio podem se inscrever entre os dias 23 de maio a 11 de junho. As inscrições serão online, em link a ser disponibilizado em www.unifor.br/corridaderua ou, presencialmente, na Divisão de Assuntos Desportivos (DAD)*, no campus da Unifor. A taxa de inscrição por atleta é de R$ 80,00 (oitenta reais), com preço diferenciado (R$ 40,00 - quarenta reais) para pessoas acima de 60 anos (Estatuto do Idoso), alunos, professores e funcionários da Fundação Edson Queiroz.

Surf - Chloé Calmon vence etapa do Longboard Qualifying Series em Portugal

João Carvalho - WSL South America Media Manager
Chloé Calmon (BRA-RJ) (WSL Europe)
A brasileira faturou o título feminino do Longboard Gaia Pro e o peruano bicampeão mundial Piccolo Clemente perdeu a final masculina para o francês Antoine Delpero invicto nas duas provas seguidas da Europa.
A carioca Chloé Calmon venceu no domingo (dia 12) a etapa do WSL Longboard Qualifying Series em Portugal. A decisão do título feminino do Longboard Gaia Pro foi contra a francesa Victoria Vergara e quase deu América do Sul no alto do pódio masculino também, mas o francês Antoine Delpero derrotou o peruano bicampeão mundial, Piccolo Clemente, para ganhar sua segunda prova consecutiva na perna europeia do LQS. Chloé Calmon também foi finalista na etapa da semana passada na França, mas uma interferência lhe custou a vitória contra Alice Lemoigne, da Ilha Reunião, na Plage Centrale de Vieux Boucau.

Surf - Silvana Lima e Dominic Barona entram no G-6 no QS 6000 do México

João Carvalho - WSL South America Media Manager
Silvana Lima (BRA) (WSL North America)
A brasileira perdeu a semifinal sul-americana com a equatoriana que fez sua primeira final em etapas importantes do WSL Qualifying Series e só perdeu o título na onda surfada no último minuto da bateria.
A equatoriana Dominic Barona ficou muito perto de conquistar a sua primeira vitória em etapas importantes do WSL Qualifying Series. Ela perdeu o título do QS 6000 Los Cabos Open of Surf com a onda surfada no último minuto pela australiana Bronte Macaulay, que valeu nota 8,17 para virar o placar para 14,67 a 13,90 pontos. Mesmo com o vice-campeonato, Dominic Barona botou o Equador na lista provisória das seis surfistas que se classificam para a elite das top-17 do Samsung Galaxy World Surf League Championship Tour. A campeã Bronte Macaulay e a brasileira Silvana Lima, derrotada nas semifinais pela equatoriana, também ingresssaram no G-6 com seus resultados nas ondas de Zippers Beach, na Costa Azul de San Jose del Cabo, no México.

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Velas - Copa Yacht Club Paulista

Naútica
Acontece no próximo fim de semana, dias 11 e 12, a quinta etapa da Copa Yacht Club Paulista. São mais de 110 barcos participando e concorrendo a prêmios, além da tradicional integração entre os velejadores com refeição, fotos profissionais, premiação e regatas competitivas, com dois juízes, incluindo auxiliar de linha.

kitesurf - Triple-S Invitational 2016

GOKITE
Começou essa semana um dos eventos mais tradicionais do calendário do kitesurf mundial.  O Triple-S Invitational esta em sua 11ª edição e promete uma das etapas mais disputadas da história !
Riders de todo o mundo estão presentes em  Cape Hatteras – North Carolina, sede da Real Kiteboarding uma das patrocinadoras do evento. O campeonato será realizado de 4 a 10 de junho e premiará os riders mais completos em diversas modalidades.
O evento já esta rolando e nessa terça-feira, o Belga Christophe Tack acertou um inédito 900º decolando do Kicker.
Acompanhe o evento ao vivo pela página do Triple-S no facebook https://www.facebook.com/Triple.S.Invitational/
Assista aos primeiros vídeos do evento, e a manobra inédita !

Bodyboard - Canal Furnas - Itacoatiara Pro terá patrocínio de Furnas

Fonte RicoSurf
Campeonato Itacoatiara Pro 2015. Foto - Itacoatiara Pro
Com a chegada das olímpiadas, a equipe de Furnas, tem investido cada vez mais nos eventos esportivos. Esta grande estatal possui um amplo programa socio-cultural, ambiental e esportivo. Frequentemente você verá a empresa engajada em programas sociais, ações ambientais, patrocínio de atletas, patrocínios de campeonatos, treinamentos para atletas e funcionários da empresa, entre outras ações.
Recentemente Furnas decidiu patrocinar o campeonato de bodyboard, Itacoatiara Pro, que acontecerá entre 16 a 26 de junho, na praia de Itacoatiara, em Niterói. E o Ricosurf fechará mais um ano parceria com o campeonato. Sendo assim, fomos conversar com o diretor de projetos e eventos da secretaria de esporte de Niterói, Giuliano Lara, para tirar algumas dúvidas. 

Avisosport


terça-feira, 7 de junho de 2016

Surf - Maui and Sons Arica World Star é antecipado para julho no Chile

João Carvalho jcarvalho@worldsurfleague.com
Miguel Tudela (PER) em 2015 (Pablo Jimenez)
A próxima etapa da WSL South America foi antecipada para o mês de julho no Chile. O QS 1500 Maui and Sons Arica World Star estava inicialmente previsto para agosto, mas foi confirmado para os dias 18 a 23 de julho nas ondas desafiadoras de El Gringo, em Arica. No ano passado, o mar ficou enorme e as condições estavam tão perigosas no último dia que as finais tiveram que ser canceladas, visando preservar a integridade física dos competidores. Os surfistas que estavam escalados para disputar as semifinais - os chilenos Manuel Selman e Leo Landea, o peruano Miguel Tudela e o francês Andy Criere - terminaram empatados em terceiro lugar e dividiram o prêmio total oferecido aos quatro finalistas

Surf - Fiji Pro Adia a Terceira Fase até Entrar um novo Swell em Tavarua

João Carvalho jcarvalho@worldsurfleague.com
A onda de Cloudbreak (©WSL / Cestari)
A terça-feira amanheceu com ondas pequenas em Cloudbreak e a terceira fase do Fiji Pro foi adiada para aguardar a entrada de um novo swell (ondulação) que só deve entrar mais para o fim de semana na ilha de Tavarua. Mesmo assim, a comissão técnica se reúne a cada dia para analisar as condições do mar e a primeira chamada da quarta-feira foi marcada para as 7h30 em Fiji, 16h30 da terça-feira no fuso de Brasília. O campeão mundial Gabriel Medina está na primeira bateria com o australiano Matt Banting e outros sete brasileiros seguem na disputa do título da quinta das onze etapas do Samsung Galaxy World Surf League Championship Tour 2016.

Surf - Cearenses Fabio Silva, Bichinho e Cícero Júnior exploram o Litoral do Piauí

Por Redação Studio Surf.
Fabio Silva - Foto Cicero Junior
Ontem, quarta-feira, 01 de junho, chegamos na cidade de Luís Correia (Piauí), para participar do evento organizado pelo Márcio Amorim e João Marcelo, que terá inicio no próximo sábado, 04, encerrando no domingo, 05.

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Ironman - Brent McMahon faz história em Floripa

Fonte Prólogo
Aos 35 anos, o canadense Brent McMahon fez história no Ironman de Florianópolis, disputado no domingo (29). Ele não apenas sagrou-se campeão com novo recorde da prova, como também estabeleceu a segunda melhor marca já obtida em um Ironman, ao completar os 3,8km de natação, 180 km de ciclismo e 42 km de corrida em 7h46min10, apenas 12 segundos abaixo do recorde do belga Marino Vanhoenacker, que em 2011 cravou 7h45min58 no Ironman de Klagenfurt, na Áustria.