quinta-feira, 23 de março de 2017

Surf - Chloé Calmon está nas semifinais do Mundial de Longboard

João Carvalho - WSL South America Media Manager_
Chloé Calmon (BRA) (@WSL / Tim Hain)_
A brasileira Chloé Calmon é a única que pode trazer para a América do Sul um título do World Surf League Kumul PNG World Longboard Championships 2017, que está sendo disputado desde domingo em Papua Nova Guinea. É a terceira vez consecutiva que a carioca chega as semifinais em etapas válidas para definir os campeões mundiais da modalidade que resgata o início do esporte, quando o surfe era praticado em pranchões enormes. Ela foi vice-campeã na final contra a norte-americana Tory Gilkerson na China no ano passado. Agora, a havaiana Honolua Blomfield é a sua oponente na tentativa de decidir outro título na World Surf League.


Na quinta-feira, o peruano Piccolo Clemente foi o último sul-americano a sair da briga do título, enquanto no feminino Chloé Calmon e Honolua Blomfield foram as melhores do dia nas boas ondas de Tupira. A brasileira ganhou nota 8,50 em sua melhor apresentação nas quartas de final, derrotando a francesa da Ilha Reunião, Alice Lemoigne, por 16,05 a 13,17 pontos. Só a havaiana bateu as marcas da carioca, atingindo 16,93 com as notas 9,00 e 7,93 recebidas nas duas últimas ondas que surfou contra a norte-americana Lindsay Steinriede, despachando a última campeã mundial (2011) da disputa do título em Papua Nova Guinea.

Na terceira fase, as duas também se destacaram nas direitas perfeitas de Tupira para o Longboard. Chloé Calmon tirou a maior nota - 9,27 - na vitória por 16,20 pontos sobre a própria Steinriede e a australiana Nava Young. E na bateria seguinte, Honolua Blomfield totalizou 17,60 com notas 9,10 e 8,50 contra Lemoigne e a japonesa Natsumi Taoka. As duas prometem fazer um duelo eletrizante no último dia e a batalha pela outra vaga na final será entre a havaiana Crystal Walsh e a americana Kaitlin Magire.

A havaiana iniciou sua caminhada até as semifinais eliminando uma das três representantes da América do Sul na repescagem da primeira fase. A peruana Maria Fernanda Reyes não conseguiu achar boas ondas e Crystal Walsh venceu por uma larga vantagem de14,77 a 7,00 pontos. Na disputa seguinte, Chloé Calmon também conseguiu sua primeira vitória em Papua Nova Guinea, barrando uma surfista local, Ruthy Kurumuk, por 15,94 pontos somando o 8,17 da sua primeira onda com o 7,77 da última que surfou na bateria. 

Mas, outra brasileira foi eliminada no confronto que fechou essa segunda fase, quando Lindsay Steinreide fez os recordes do campeonato contra Atalanta Batista. A pernambucana foi bicampeã sul-americana da WSL South America em 2014 e 2015, vencendo o tradicional Mundial de Longboard de Huanchaco no Peru, mas não teve qualquer chance contra a campeã mundial de 2011. A norte-americana atingiu imbatíveis 18,23 pontos somando o 9,50 e o 8,73 das duas melhores ondas e ainda surfou mais quatro boas que receberam notas acima de 7. Atalanta Batista e Maria Fernanda Reyes terminaram em 13.o lugar no campeonato.

TRICAMPEONATO ADIADO - Na categoria masculina, o peruano Piccolo Clemente foi o único sul-americano que disputou as quartas de final do World Surf League Kumul PNG World Longboard Championships na quinta-feira em Papua Nova Guinea. Bicampeão mundial na China em 2013 e 2015, ele dessa vez terminou em quinto lugar, sendo barrado por Antoine Delpero por 17,10 a 14,36 pontos. O francês seguiu para enfrentar o havaiano Kai Sallas na primeira semifinal e a outra vaga na decisão do título será disputada pelo norte-americano bicampeão mundial em 2011 e 2012, Taylor Jensen, e o inglês Adam Griffits.

Entre os finalistas, o grande destaque vem sendo o havaiano Kai Sallas, que tem conseguido tirar as maiores notas dos juízes com sua combinação das manobras clássicas dos pranchões com batidas e rasgadas nas direitas de Tupira. Na rodada classificatória para as quartas de final, ele alcançou incríveis 18,33 pontos de 20 possíveis para derrotar dois sul-americanos que já decidiram título mundial na China. Na briga pela segunda vaga, Piccolo Clemente superou o brasileiro Rodrigo Sphaier por 16,34 a 13,20 pontos.

Na bateria seguinte, o Brasil saiu da briga do título em Papua Nova Guinea, com o atual campeão mundial Phil Rajzman perdendo para o francês Antoine Delpero e o australiano Harley Ingleby. O carioca terminou empatado em nono lugar com Rodrigo Sphaier, que é de Saquarema como Jeferson Silva, que já tinha sido eliminado por Antoine Delpero na terceira fase. Jeferson ficou em 13.o lugar junto com outro brasileiro, Bage Brayner, que ganhou um duelo sul-americano com o peruano Lucas Garrido Lecca na repescagem.

LINK PARA BAIXAR VIDEOS NEWSFEEDS: https://wdrv.it/a9bd86194 

O World Surf League Kumul PNG World Longboard Championships está sendo transmitido ao vivo de Papua Nova Guinea pelo www.worldsurfleague.com 

SOBRE A WORLD SURF LEAGUE - A World Surf League (WSL), antes denominada Association of Surfing Professionals (ASP), tem como objetivo celebrar o melhor surf do mundo nas melhores ondas do mundo, através das melhores plataformas de audiência. A Liga Mundial de Surf, com sede em Santa Mônica, na Califórnia, atua em todo o globo terrestre, com escritórios regionais na Austrália, África, América do Norte, América do Sul, Havaí, Europa e Japão.

A WSL vem realizando os melhores campeonatos do mundo desde 1976, que definem os campeões mundiais masculino e feminino no Championship Tour, além do Big Wave Tour, Qualifying Series e das categorias Junior e Longboard, bem como o WSL Big Wave Awards. A Liga tem especial atenção para a rica herança do esporte, promovendo a progressão, inovação e desempenho nos mais altos níveis.

Os principais campeonatos de surf do mundo são transmitidos ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo aplicativo grátis WSL app. A WSL já possui uma enorme legião de fãs apaixonados em todo o planeta que acompanha as performances dos melhores surfistas do mundo, como Gabriel Medina, John John Florence, Adriano de Souza, Kelly Slater, Stephanie Gilmore, Greg Long, Makua Rothman, Carissa Moore, entre outros, competindo no mais imprevisível e dinâmico campo de jogo entre todos os esportes no mundo, que é o mar.

Para mais informações, visite o WorldSurfLeague.com 

-----------------------------------------------------------
João Carvalho - WSL South America Media Manager
(48) 999-882-986 - jcarvalho@worldsurfleague.com 
-----------------------------------------------------------

FINALISTAS DO WORLD SURF LEAGUE KUMUL PNG WORLD LONGBOARD CHAMPIONSHIPS:

SEMIFINAIS MASCULINAS - 3.o lugar com 6.500 pontos e US$ 3.750 de prêmio:
1.a: Kai Sallas (HAV) x Antoine Delpero (FRA)
2.a: Taylor Jensen (EUA) x Adam Griffiths (ING)

SEMIFINAIS FEMININAS - 3.o lugar com 6.500 pontos e US$ 2.500 de prêmio:
1.a: Crystal Walsh (HAV) x Kaitlin Magire (EUA)
2.a: Chloe Calmon (BRA) x Honolua Blomfield (HAV)

RESULTADOS DA QUINTA-FEIRA EM PAPUA NOVA GUINEA: 

QUARTAS DE FINAL MASCULINAS - 5.o lugar com 5.200 pontos e US$ 2.250 de prêmio: 
1.a: Kai Sallas (HAV) 17.90 x 16.40 Harley Ingleby (AUS)
2.a: Antoine Delpero (FRA) 17.10 x 14.36 Piccolo Clemente (PER)
3.a: Adam Griffiths (ING) 15.23 x 15.07 Edouard Delpero (FRA)
4.a: Taylor Jensen (EUA) 16.30 x 14.23 Cole Robbins (EUA)

QUARTAS DE FINAL FEMININAS - 5.o lugar com 5.200 pontos e US$ 2.000 de prêmio: 
1.a: Crystal Walsh (HAV) 16.37 x 15.94 Rachael Tilly (EUA)
2.a: Kaitlin Magire (EUA) 13.14 x 12.10 Chelsea Williams (AUS)
3.a Chloe Calmon (BRA) 16.07 x 13.17 Alice Lemoigne (REU)
4.a: Honolua Blomfield (HAV) 16.93 x 14.80 Lindsay Steinriede (EUA)

OUTROS RESULTADOS DAS SUL-AMERICANAS EM PAPUA NOVA GUINEA: 

TERCEIRA FASE - 1.a e 2.a=Quartas de Final e 3.a=9.o lugar com 3.300 pontos e US$ 1.500:
3.a: 1-Chloe Calmon (BRA)=16.20, 2-Lindsay Steinriede (EUA)=14.54, 3-Nava Young (AUS)=9.40

SEGUNDA FASE - Vitória=Terceira Fase e Derrota=13.o lugar com 1.750 pontos e US$ 1.000:
2.a: Crystal Walsh (HAV) 14.77 x 7.00 Maria Fernanda Reyes (PER)
3.a: Chloe Calmon (BRA) 15.94 x 4.86 Ruthy Kurumuk (PNG)
6.a: Lindsay Steinriede (EUA) 18.23 x 11.33 Atalanta Batista (BRA)

PRIMEIRA FASE CLASSIFICATÓRIA - Vitória=Terceira Fase e 2.a 3.a=Segunda Fase:
1.a: 1-Rachael Tilly (EUA)=16.23, 2-Crystal Walsh (HAV)=11.14, 3-Maria Fernanda Reyes (PER)=9.17
3.a: 1-Tory Gilkerson (EUA)=11.30, 2-Atalanta Batista (BRA)=8.40, 3-Ruthy Kurumuk (PNG)=4.20
4.a: 1-Natsumi Taoka (JPN)=13.77, 2-Chloe Calmon (BRA)=13.46, 3-Marianne Longa (PNG)=3.94

RESULTADOS DOS SUL-AMERICANOS NAS PRIMEIRAS FASES: 

QUARTA FASE - 1.o e 2.o=Quartas de Final e 3.o=9.o lugar com 4.000 pontos e US$ 2.000:
1.a: 1-Kai Sallas (HAV)=18.33, 2-Piccolo Clemente (PER)=16.34, 3-Rodrigo Sphaier (BRA)=13.20
2.a: 1-Antoine Delpero (FRA)=15.76, 2-Harley Ingleby (AUS)=14.56, 3-Phil Rajzman (BRA)=12.90

TERCEIRA FASE - Derrota=13.o lugar com 1.750 pontos e US$ 1.750 de prêmio:
1.a: Rodrigo Sphaier (BRA) 15.13 x 14.06 Nic Jones (AUS)
3.a: Piccolo Clemente (PER) 15.76 x 11.70 Shohei Akimoto (JPN)
5.a: Antoine Delpero (FRA) 17.37 x 13.67 Jeferson Silva (BRA)
6.a: Phil Rajzman (BRA) 16.20 x 14.77 Dane Pioli (AUS)
7.a: Steven Sawyer (AFR) 13.07 x 8.00 Bage Brayner (BRA)

SEGUNDA FASE - Derrota=25.o lugar com 500 pontos e US$ 1.000 pela participaçãos:
3.a: Jeferson Silva (BRA) 11.06 x 5.07 Akun Alois (PNG)
9.a: Bage Brayner (BRA) 11.77 x 9.60 Lucas Garrido Lecca (PER)
10.a: Tony Silvagni (EUA) 17.33 x 13.07 Jefson Silva (BRA)

PRIMEIRA FASE CLASSIFICATÓRIA - 1.o=Terceira Fase e 2.o e 3.o=Segunda Fase:
2.a: 1-Piccolo Clemente (PER)=14.06, 2-Lucas Garrido Lecca (PER)=10.33, 3-Joe Hornbuckle (ING)=5.10
3.a: 1-Rodrigo Sphaier (BRA)=14.74, 2-Tony Silvagni (EUA)=11.00, 3-Dane Pioli (AUS)=8.96
6.a: 1-Phil Rajzman (BRA)=14.10, 2-Jack Entwistle (AUS)=8.67, 3-Akun Alois (PNG)=3.80
7.a: 1-Edouard Delpero (FRA)=13.66, 2-Emilien Fleury (FRA)=12.24, 3-Bage Brayner (BRA)=9.77
8.a: 1-Harley Ingleby (AUS)=12.83, 2-Jefson Silva (BRA)=9.77, 3-David Arganda (EUA)=9.60
11.a: 1-Cole Robbins (EUA)=14.80, 2-Jared Neal (AUS)=11.37, 3-Augusto Olinto (BRA)=0.00
12.a; 1-Antoine Delpero (FRA)=13.57, 2-Nic Jones (AUS)=11.64, 3-Jeferson Silva (BRA)=11.10

CAMPEÕES MUNDIAIS DE LONGBOARD DA WORLD SURF LEAGUE:
2016: Phil Rajzman (BRA) bicampeão e Tory Gilkerson (EUA)
2015: Piccolo Clemente (PER) bicampeão e Rachael Tilly (EUA)
2014: Harley Ingleby (AUS) bicampeão e Chelsea Williams (AUS)
2013: Piccolo Clemente (PER) e Kelia Moniz (HAV) bicampeã
2012: Taylor Jensen (EUA) bicampeão e Kelia Moniz (HAV)
2011: Taylor Jensen (EUA) e Lindsay Steinriede (EUA)
2010: Duane Desoto (HAV) e Cori Schumacher (EUA)
2009: Harley Ingleby (AUS) e Jennifer Smith (EUA) bicampeã
2008: Bonga Perkins (HAV) bicampeão e Joy Monahan (HAV)
2007: Phil Rajzman (BRA) e Jennifer Smith (EUA)
2006: Josh Constable (AUS) e Schuyler McFerran (EUA)
2005: nenhuma etapa
2004: Joel Tudor (EUA) bicampeão
2003: Beau Young (AUS) bicampeão
2002: Colin McPhillips (EUA) tricampeão
2001: Colin McPhillips (EUA) bicampeão
2000: Beau Young (AUS)
1999: Colin McPhillips (EUA)
1998: Joel Tudor (EUA)
1997: Dino Miranda (HAV)
1996: Bonga Perkins (HAV)
1995: Rusty Keaulana (HAV) tricampeão
1994: Rusty Keaulana (HAV) bicampeão
1993: Rusty Keaulana (HAV)
1992: Joey Hawkins (EUA)
1991: Martin McMillan (AUS)
1990: Nat Young (AUS) tetracampeão
1989: Nat Young (AUS) tricampeão
1988: Nat Young (AUS) bicampeão
1987: Stuart Entwistle (AUS)
1986: Nat Young (AUS)

Nenhum comentário:

Postar um comentário